O comprometimento dos colaboradores dentro das organizações

A Feedz, plataforma de engajamento e desempenho de colaboradores, realizou este ano, uma pesquisa em parceria com a Swile (antiga Vee) e a Vittude, com o propósito de medir os níveis de engajamento e identificar as condições de trabalho com maior probabilidade de impactar os funcionários. O estudo foi realizado com 1.129 colaboradores, sendo 467 clientes da Feedz e 662 não clientes, em 23 estados e no DF.

A pesquisa aponta que colaboradores com um ou mais amigos na empresa tem o eNPS (Employee Net Promoter Score, métrica usada para mensurar o grau de engajamento dos funcionários em seu ambiente de trabalho) de 55, mais que o dobro de empresas onde os funcionários não possuem amigos, tendo uma eNPS de 22. Outro fator apurado é que empresas que realizam reuniões 1:1, tem eNPS de 64 e 94% dos colaboradores compreendem melhor o trabalho a ser realizado.

“As empresas com uma cultura diferente, que não praticam one-or-one regularmente, têm menor eNPS e apenas 68% dos funcionários entendem o que é esperado deles no trabalho”, destaca Bruno Soares, CEO da Feedz. Ainda de acordo com o estudo, quanto maior a empresa, menor o seu número de eNPS. Organizações com 20 a 50 funcionários têm o maior número de eNPS sendo 65 e, em empresas com 200 a 1.000 colaboradores, a eNPS é 47.

Quando o número de funcionários é mais de 1.000 o número é ainda menor, chegando a 39. “Quando são oferecidos benefícios considerados bons pelos funcionários, o eNPS (Employee Net Promoter Score) é quatro vezes maior, se comparado com empresas que os colaboradores estão insatisfeitos com os benefícios”, comenta o CEO. Isso se aplica a empresas que investem na saúde emocional dos seus funcionários, estas possuem eNPS de 72 enquanto as que não investem tem em média 16.

Para Bruno Soares, o mercado deve investir em formas de aproximar o RH dos colaboradores. “A missão da Feedz é criar ambientes de trabalho felizes, por isso quando empresas investem no bem-estar e na boa relação com os colaboradores, conseguem funcionários engajados e dedicados às suas funções”, Bruno Soares, CEO da Feedz. Fonte e mais informações: (www.feedz.com.br).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap