#Tenha Cicatrizes_22_08_2019_Curiosidade e Inovação por um Mundo Melhor!

Curiosidade e Inovação por um Mundo Melhor!

Neste mês, completamos mais uma tarefa estimulante. Desafiamos jovens alunos de engenharia de uma universidade federal a pensar na inovação como agregadora e direcionadora de ações para um mundo melhor e para as próximas gerações. Os resultados foram incríveis!

Pérsio Alberto Mandel e Júlio. F.B. Facó

Pérsio Alberto Mandel (*) e Júlio. F.B. Facó (**)

Propomos essa mesma reflexão aos nossos leitores: Como a inovação deve contribuir para um mundo melhor? Imaginem que tivéssemos a oportunidade de fazer uma única pergunta ao nosso planeta. Questionando toda a humanidade sobre o que é de fato necessário para sua existência e vida… Qual seria a resposta?
Esta provocação foi tema de discussões na ONU (Organização das Nações Unidas) reunindo mais de 150 líderes e delegações mundiais em seu entorno. O resultado foi a criação da “AGENDA 2030 PARA O DESENVOLVIMENTO SAUDÁVEL” (https://nacoesunidas.org/pos2015/agenda2030/).
No seu preâmbulo, a Agenda 2030 indica que:

“Esta Agenda é um plano de ação para as pessoas, para o planeta e para a prosperidade. Ela também busca fortalecer a paz universal com mais liberdade. Reconhecemos que a erradicação da pobreza em todas as suas formas e dimensões, incluindo a pobreza extrema, é o maior desafio global e um requisito indispensável para o desenvolvimento sustentável.

Todos os países e todas as partes interessadas, atuando em parceria colaborativa, implementarão este plano. Estamos decididos a libertar a raça humana da tirania da pobreza e da penúria e a curar e proteger o nosso planeta. Estamos determinados a tomar as medidas ousadas e transformadoras que são urgentemente necessárias para direcionar o mundo para um caminho sustentável e resiliente. Ao embarcarmos nesta jornada coletiva, comprometemo-nos que ninguém seja deixado para trás”.

Estamos comprometidos em embarcar nessa jornada coletiva, proposta pela ONU. E você, está também envolvido? Se quiser participar, veja algumas dicas:
1 – Seja curioso, pois a curiosidade é o impulso que nos alavanca na busca por novas perguntas e (principalmente) por mais e inéditas respostas, por meio das quais experimentamos conhecimentos e habilidades que nos tornam pensadores, criativos e mais inovadores.
2 – Procure informações sobre a Agenda 2030 e os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) nela inseridos;
3 – Pesquise sobre iniciativas, ações e projetos que buscam um mundo melhor;
4 – Compartilhe deste propósito coletivo, e torne-o seu;
5 – Estimule sua criatividade e gere ideias. Não tenha medo! Seja só ou em times, suas ideias podem ser transformadas em oportunidades inovadoras (na esfera profissional e pessoal) para melhorar sua vida e de quem você gosta. Soluções simples fazem grandes diferenças;
6 – Não aceite ações prejudiciais à humanidade e ao planeta; e,
7 – Partilhe suas experiências e oportunidades com o maior número possível de pessoas. Só formando uma corrente longa e sólida é que podemos imaginar um mundo melhor e mais sustentável para nós e para as próximas gerações.

Para finalizar, partilhamos uma pequena história: “Era uma vez um escritor que morava em uma tranquila praia, perto de uma colônia de pescadores. Todas as manhãs ele caminhava à beira do mar para se inspirar, e à tarde ficava em casa a escrever. Um dia, quando o escritor, como de costume, saiu para seu passeio, percebeu que a praia havia amanhecido repleta de estrelas-do-mar. Enquanto percorria a praia, observando até onde essa cobertura de estrelas-do-mar se estendia, distinguiu um vulto, pequeno, que parecia dançar com braços e pernas estendidos em movimentos repetidos. Achegando-se, percebeu tratar-se de uma criança. O jovem recolhia as estrelas-do-mar da areia e as colocava uma a uma gentilmente nas águas do oceano.
– Por que fazes isso? – perguntou o escritor.

– Não vês! – explicou o jovem – a maré está baixa e o sol está brilhando forte. Elas irão secar e morrer se ficarem aqui na areia.

O escritor parou, surpreso com a ingenuidade da resposta e sorrindo disse:

– Meu jovem, muitas e muitas são as estrelas-do-mar espalhadas por essa praia, que diferença você acha que faz? A maioria vai morrer de qualquer forma.

O jovem ouviu atentamente, abaixou-se, pegou mais uma estrela da praia e colocou-a no mar. Ainda com os pés na água, voltou-se para o homem e disse:

– Para esta aqui eu fiz a diferença.”

Sejamos curiosos, inovadores e certamente faremos a diferença para um mundo melhor!

(*) Membro da iniciativa Empreendedores Compulsivos, Químico (UNICAMP), pós-graduação em Administração de Empresas (FGV). Sócio da AKIA Assessoria Empresarial LTDA. com foco em Inovação Estratégica. Coautor do livro “Organizações Inovadoras do Setor Financeiro”. Organizador do livro “Aqui tem Inovação”. Professor convidado no Curso Gestão da Inovação na UFABC.
(**) Professor do Centro de Engenharia, Modelagem e Ciências Sociais Aplicadas na UFABC nos cursos de graduação em Engenharia de Gestão e Pós-graduação em Engenharia e Gestão da Inovação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap