Negócios em Pauta 10/03/2021

A – Leão de Ouro Póstumo

A arquiteta e designer ítalo-brasileira Lina Bo Bardi foi a escolhida para receber o Leão de Ouro especial pelo conjunto da obra na 17ª Mostra Internacional de Arquitetura da Bienal de Veneza. O reconhecimento foi proposto pelo curador do evento em 2021, Hashim Sarkis, e acolhido pelo Conselho de Administração. “Se há um arquiteto que, melhor que qualquer outro, representa o tema da Bienal de Arquitetura de 2021 é Lina Bo Bardi”, ressaltou Sarkis. A edição deste ano será aberta ao público em 22 de maio, mesmo dia em que a homenagem será feita à ítalo-brasileira. Na nota oficial do evento, o Instituto Bardi se disse “profundamente honrado e grato” pelo reconhecimento (ANSA).

B – Participação nos Resultados

O ano foi de muito trabalho e imensos desafios, mas os resultados foram extraordinários. Por esse esforço coletivo, a Cooperativa Central Aurora Alimentos distribuiu a 35.214 empregados 2,5 salários correspondentes ao Programa de Participação nos Resultados (PPR) de 2020. Somados aos 12 salários mensais mais o 13º pagos durante o ano, a remuneração do quadro funcional da Aurora totalizou 15,5 salários no período. Aqueles que não trabalharam na integralidade do período (12 meses) receberam de PPR o valor correspondente ao tempo em que estiveram disponíveis para trabalhar. O benefício é proporcional a participação de cada um na construção do resultado anual.

C – Recolhimento de Tributos

A Secretaria da Fazenda e Planejamento do Estado de São Paulo preparou um guia com orientações e procedimentos necessários para consulta dos valores e emissão dos principais documentos de recolhimento dos tributos estaduais. Por meio do link da Sefaz-SP (https://portal.fazenda.sp.gov.br/) é possível consultar valores e emitir guias para pagamento de débitos não inscritos em Dívida Ativa. Além de oferecer praticidade e segurança aos usuários, as emissões “on line” de guias de recolhimento dos impostos ajudam a eliminar ocorrências de erros de preenchimento, tendo em vista que os programas possuem sistema de verificação das informações.

D – Profissão Motogirl

Com a pandemia e a necessidade de fechamento do comércio para a prevenção à Covid-19, a demanda por serviços de delivery cresceu e se tornou uma opção para as pessoas que perderam ou tiveram a renda reduzida. Em uma área majoritariamente masculina, as mulheres representam 25% do total de motociclistas no Estado de São Paulo e buscam seu espaço enfrentando desafios diários sobre duas rodas. Segundo dados do Detran.SP, de janeiro de 2019 a janeiro deste ano, houve um aumento de 8% no número de mulheres habilitadas em todas as categorias para a condução de motocicletas, passando de 2,2 milhões para quase 2,5 milhões. Fonte: (www.detran.sp.gov.br).

E – Talento Feminino

O Círculo de Criativas Brasil objetiva promover o fortalecimento e valorizar o talento feminino na criatividade publicitária e no conteúdo da indústria da comunicação, em busca de um mercado mais justo em oportunidades em todas as esferas dos ambientes de trabalho. A iniciativa – que integra o Círculo de Criativas Latam, já presente em outros 15 países – é capitaneada por por Adriana Cury, vice-presidente de criação da agência Nova S/B e foi idealizado para atuar no sentido de transformar a mentalidade do mercado, fazendo com que empresas, headhunters, clientes e formadores de opinião entendam que mulheres e homens precisam se igualar em salários, oportunidades de emprego, postos de liderança e em número de integrantes em júris nacionais e internacionais de festivais relacionados às atividades da comunicação. Saiba mais em: (https://www.facebook.com/circulodecriativasbrasil).

F – Suplementos Vitamínicos

A DSM, empresa global de origem holandesa, inicia a primeira fase do projeto socioeconômico Micro Distribuição Brasil. O negócio, que é pioneiro no fornecimento de suplementos vitamínicos porta a porta a valores acessíveis, tem um modelo inclusivo e escalável. Para isso, a empresa busca por micro e pequenos distribuidores de alimentos, os quais terão uma função integradora para conectar as diferentes etapas da cadeia de valor. O projeto será iniciado na cidade de São Paulo, onde a DSM busca por parceiros que tenham interesse em expandir sua cartela de produtos, estrutura para estocagem de quantidade mínima das mercadorias e distribuição às revendedoras e habilidade para estabelecer e operar a cadeia de abastecimento. Mais informações em: (https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSc4UOm9NKeI-1OY5UKxg4ChGDRIt7fkt2o2X3TT_N8GNJAjzg/viewform?vc=0&c=0&w=1&flr=0).

G – Estratégia de Internacionalização

Depois de um aporte Series A de mais de R$ 30 milhões em 2020, pela Redpoint Ventures e HDI, de triplicar o número de colaboradores e atender mais de 500 grupos econômicos, o Accountfy fortalece seus negócios no Brasil. A ideia é acionar diferentes parceiros para servirem de intermediários para a contratação do Accountfy, uma plataforma SaaS focada nas atividades de Contabilidade, Controladoria e FP&A das empresas com o propósito de facilitar uma gestão financeira de alta performance. “Entendemos que novos canais e parceria são o caminho para fortalecer o nosso negócio e expandir para outros países”, afirma Felipe Ozório, novo head de canais contratado para liderar o plano, especialista em gestão de canais e parcerias estratégicas, com passagens pela Editora Globo. Saiba mais em: (www.accountfy.com).

H – Embate Público

Pesquisa da Confederação Nacional de Transportes indicou que a maioria dos brasileiros (64,7%) acredita que o embate público do presidente Jair Bolsonaro com a imprensa é ruim para o país. A pesquisa também apontou que 60,5% dos entrevistados entendem que Bolsonaro deveria buscar se aproximar mais da imprensa. Para 31,7% esse estreitamento de relação não deve ocorrer, enquanto 7,8% não souberam responder. Para cerca de 20% dos entrevistados as brigas de Bolsonaro com a imprensa são irrelevantes, enquanto 10,6% responderam que esse tipo de confronto é benéfico para o país. A pesquisa foi realizada em parceria com o Instituto MDA, entre 18 e 20 de fevereiro. Foram feitas 2.002 entrevistas presenciais, em 137 municípios de 25 Unidades da Federação. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais.

I – Curso Sobre Decamerão

O Instituto Italiano de Cultura de São Paulo promove um curso gratuito e virtual sobre “Decamerão”, obra-prima de Giovanni Boccaccio (1313-1375) e um dos livros fundadores da literatura do “Belpaese”. Serão seis aulas em português a partir do próximo dia,, sempre às segundas-feiras, das 10h às 12h, por meio da plataforma digital Zoom. O curso será ministrado pela tradutora, pesquisadora e artista de teatro Valentina Cantori, que é formada em língua e literatura italiana e em linguística na Universidade La Sapienza de Roma. Cantori vive desde 2017 no Brasil, onde cursa um pós-doutorado sobre a poesia italiana do século XVII. Inscrições e mais informações (https://iicsanpaolo.esteri.it/iic_sanpaolo/pt/) – (ANSA).

J – Oportunidade para Violonistas

Com estreia definida para abril, a ZapMusic, primeira plataforma de streaming por assinatura voltada para os profissionais e fãs do violão, está com inscrições abertas para violonistas, com o objetivo de expandir essa comunidade e promover músicos talentosos no mercado de trabalho com um portfólio robusto. Seis serão selecionados e terão uma de suas músicas gravadas profissionalmente em videoclipe pela produtora audiovisual Prime Arte. Os participantes deverão preencher um formulário e escolher uma peça a ser executada. Além do vídeo inserido na plataforma, cada um dos vencedores receberá um cachê de R$ 500,00 com todas as despesas como alimentação e transporte, e ainda ganharão a assinatura da ZapMusic pelo período de um ano. Inscrições e outras informações: (https://zapmusic.com.br/joaopernambuco).

K – Alterações no Simples

O tratamento tributário diferenciado concedido aos microempreendedores individuais (MEI) e às empresas de pequeno porte, incluídas no Simples, não serão afetados pelos possíveis cortes previstos pelo texto da PEC Emergencial, aprovado pelo Senado e que deverá ser apreciado pela Câmara nesta semana. Apesar da proposta estabelecer que o governo federal poderá rever alguns benefícios fiscais e reduzi-los, o texto deixa explícito que os benefícios concedidos às empresas do Simples e o MEI estão de fora de possível revisão, fazendo ressalva que não haverá redução dos benefícios previstos no art. 146, da Constituição, que determina o tratamento diferenciado às micro e pequenas empresas, incluindo os MEI.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap