Mitos e Verdades do cashback: o que é e como funciona

Cashback é um termo que vem se tornando muito popular, principalmente, entre os consumidores de e-commerce. Apesar de movimentar mais de R$ 10 bilhões de faturamento em 2021, de acordo com a Cuponomia, site brasileiro que reúne ofertas e cupons de descontos e cashback para compras no e-commerce, a estratégia para fidelizar clientes ainda gera dúvidas sobre sua aplicabilidade e regras.

Por isso, Eduardo Esparza, vice-presidente geral da Tenerity na Espanha e Brasil, multinacional especialista em fidelidade lucrativa, levantou as principais dúvidas dos consumidores e empresas, e desmistificou mitos da prática. Confira.

  • 1. Qual a diferença entre cashback e desconto? – “Cashback é uma palavra em inglês, que significa “Dinheiro de Volta”. Sabendo disto, interpreta-se que é um dinheiro que o consumidor recebe de volta ao comprar algum produto ou serviço, posterior ao pagamento integral cobrado pela empresa. Quando o valor do produto ou serviço é reduzido no momento do pagamento, é um desconto.
  • 2. Quais são os tipos de cashback? – O que difere o cashback oferecido por cada empresa é a forma em que ele é devolvido ao consumidor. São diversos meios de devolver o valor: em uma conta digital ativa em que o banco disponibiliza esse benefício para seus clientes usufruírem.

Em uma carteira digital do programa de benefícios que oferece o Cashback; no cartão de crédito de acordo com a utilização do consumidor; e por transferência na conta corrente cadastrada pelo consumidor no portal do programa de benefícios.

  • 3. Qual o interesse das empresas ao disponibilizar o cashback? – A resposta é simples: atrair e fidelizar o consumidor. Segundo a pesquisa ‘Panorama Mobile Time e Opinion Box’, 42% dos consumidores móveis do Brasil consideram o cashback a melhor funcionalidade em um aplicativo.

Além disso, uma pesquisa da ‘Global Cashback Report 2020’ revela que as promoções de cashback geram um aumento de três a quatro vezes na taxa de conversão e elevam o valor do pedido em 46%.

  • 4. Quais cuidados o cliente deve tomar com os programas de cashback? – Para todo e qualquer serviço oferecido durante uma compra, principalmente online, é estar ciente de todas as regras que envolvem o benefício.

Quando nos cadastramos em algum programa de cashback, o mais importante é ler os termos e condições que a empresa deve fornecer no passo anterior a se cadastrar, para que você tenha ciência de todas as informações e regras desse programa.

Além disso, é muito importante ser muito cauteloso e não gastar mais do que deve somente porque vai receber um valor alto de volta. Faças as contas e veja se comprar determinado produto ou serviço faz sentido para sua situação financeira e se é um bom negócio naquele momento. – Fonte e outras informações, acesse: (https://www.tenerity.com/br).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap