Chatbot: Conheça quatro motivos para sua empresa adotar um em 2021

O contato entre empresas e clientes via chatbot já não é mais novidade e, cada vez mais, as marcas têm inserido a tecnologia no seu modelo de negócio. Em 2020, o Brasil bateu a marca de 100 mil bots criados, um crescimento de 68% se comparado com 2019, segundo dados do Mapa do Ecossistema Brasileiro de Bots. A pandemia impulsionou a digitalização e o setor que mais aderiu à ferramenta nesse período foi o financeiro, informam 25% das empresas respondentes do Mapa, seguido pelo varejo (22%) e telecomunicações (14%).

Recentemente a Febraban anunciou que uma das tendências para os bancos em 2021 será o aumento do uso de inteligência artificial por meio de chatbots e assistentes virtuais. Com isso, Rodrigo Ricco, CEO e fundador da Octadesk, e que possui mais de 15 anos de experiência no setor de tecnologia, listou alguns benefícios para as empresas que querem adotar a tecnologia. Confira:

  1. Velocidade no atendimento – Um dos principais motivos no uso do assistente virtual se deve pois o consumidor não tem mais horário para comprar um determinado produto ou serviço. Empresas costumam perder vendas porque muitos clientes entram em contato fora do “horário comercial”, e com a demora no retorno, acabam desistindo da compra. Para ter uma ideia, 35% dos consumidores preferem ser atendidos dentro de 10 minutos durante a etapa de vendas, segundo o relatório CX Trends 2020.
  2. Atendimento 24×7 – Qualquer profissional de atendimento ao cliente, que trabalha em horário comercial, sabe como é difícil encontrar centrais que funcionem 24 horas por dia, sete dias por semana. Porém, o suporte é um dos pilares que mais merecem atenção nas empresas, e chatbots podem auxiliar nesse quesito, sem precisar necessariamente aumentar de maneira exorbitante os custos para a companhia com mais mão de obra.

O interesse das marcas pelo chatbot cresceu, pois uma de suas funções é realizar um primeiro atendimento ao cliente, independente do horário ou dia da semana, e até mesmo em feriados, respondendo dúvidas, registrando os contatos, compartilhando catálogos de produtos ou artigos informativos e direcionando para o vendedor atendê-lo no primeiro horário disponível, não deixando o consumidor sem resposta no momento do contato.

  1. Fidelização do cliente – Com os atendimentos centralizados em resolver problemas específicos, a taxa de consumidores insatisfeitos diminuirá consideravelmente. Com isso, a loja consegue fidelizar mais pessoas à sua marca. Além disso, você pode usar o bot para realizar pesquisas com a sua base de clientes, como de satisfação, por exemplo.

É uma ótima oportunidade para aumentar seu NPS (da sigla em inglês Net Promoter Score, métrica responsável por medir a felicidade do cliente). Você também poderá descobrir quais são os produtos que cada cliente mais se interessa e com qual frequência ele costuma comprar, e enviar ofertas personalizadas de acordo com o período de consumo.

  1. Redução de custos – Um estudo realizado pelo IBM Institute for Business Value, feito com mil empresas de 12 setores e 33 países, que usam assistentes virtuais entre seis meses e quatro anos, apontou que 94% delas já recuperaram o investimento feito na tecnologia. Empresas que não utilizam a solução, costumam ter a necessidade de utilizar mais mão de obra, em diferentes turnos, o que eleva os custos da companhia.

Hoje, já é possível encontrar no mercado soluções intuitivas de chatbots por menos de R? 400,00 ao mês, com a possibilidade de o empreendedor personalizar e deixar com a cara da sua empresa, seja na identidade visual ou no tom de voz. Fonte e outras informações: (https://pt.octadesk.com/).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap