Dicas para empreender na pequena indústria e começar o ano lucrando

Léo Mello (*)

O ano de 2021 foi de recuperação para o setor industrial no Brasil. De acordo com a CNI, só no primeiro semestre, a Utilização da Capacidade Instalada (UCI) ficou acima de 80%, mostrando que com a retomada estaremos em um bom momento para quem quer começar a apostar nesse nicho. Afinal, a projeção para 2022 é que esse mercado tenha um crescimento de 1,2% no PIB brasileiro.

Para começar a empreender, é necessário fazer um diagnóstico antes de investir. Confira quatro dicas para quem quer abrir uma indústria no próximo ano, independente do setor em que deseja atuar:

  1. – Faça pesquisas para conhecer bem o seu produto – Antes de tudo, é importante saber que tipo de produto você irá produzir e se você tem domínio sobre ele. Para se aprofundar mais, é interessante procurar materiais informativos, serviços e cursos que podem te ajudar a obter uma boa consultoria e apoio para a abertura do negócio e a escolha do melhor produto, além de aproximar o seu produto do que é desejado pelo seu futuro cliente;
  2. – Fique de olho no mercado de atuação para ver se a aposta faz sentido – Como muitos setores, a indústria tem seus altos e baixos, vale a pena se atentar se o produto que vai produzir tem uma boa aderência ao público.

Por isso, é importante conhecer bem seu público-alvo, afinal, compreendendo bem o perfil do cliente, você terá mais capacidade para estabelecer uma comunicação eficiente, definir planejamentos estratégicos e desenvolver produtos e serviços conforme as suas necessidades;

  1. – Faça um bom planejamento financeiro – Antes de abrir seu negócio, faça as contas de quanto precisa investir. Vale avaliar alguns custos como, abertura da indústria, local de instalação, maquinário, energia, limpeza, funcionários, contabilidade, entre outros.

Após isso, entenda de onde irá tirar esses recursos, se será de capital próprio ou empréstimo e analise todos os pontos que devem ser considerados. Não se esqueça de determinar, inclusive, em quanto tempo espera ter o retorno financeiro, para não ter frustrações futuras;

  1. – Aposte em equipamentos e máquinas personalizados – Se a ideia é abrir uma indústria, independente do seu tamanho, ter máquinas e equipamentos que proporcionam automação e aceleram a produção, é algo inevitável. Porém, é muito importante escolher empresas que forneçam máquinas personalizadas com funcionalidades que são necessárias para o desenvolvimento do seu produto em específico.

Dê preferência para quem quer resolver o seu problema e esqueça quem quer apenas te vender um produto. Hoje é possível encontrar desde seladoras, envasadoras, rotuladoras, por exemplo, que podem ser adequadas ao que a sua empresa deseja ou irá necessitar.

(*) – É CEO da Cetro Máquinas (www.cetro.com.br).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap