2020 foi o ano da digitalização. E para 2021, quais os desafios?

A digitalização era algo que já estava no radar de muitas empresas que estudam mercados e soluções sobre como fazer a transição ou ainda implementar algo híbrido. Mas, a chegada da pandemia provocada pela Covid-19 acelerou os processos e a roda foi sendo trocada com o carro em movimento. No entanto, alguns ajustes ainda precisam ser feitos para que as empresas usufruam de bons resultados no ambiente digital.

Um dos principais desafios é como ser encontrado em mapas e listas da internet, se destacando dos concorrentes e continuar gerando volume de negócios. E essa demanda aumentou ainda mais com empresas que antes tinham espaço físico e agora estão somente no online e se não tiverem destaque, se perdem no meio de tanta informação.

Segundo um estudo desenvolvido pela Boston Consulting Group (BCG), 98% das empresas, quando pesquisadas no ambiente digital, não estão em todas as plataformas de mapas e listas de forma integrada, gerando perdas significativas nos negócios. Felipe Caezar, CEO da startup HubLocal, e um dos maiores especialistas sobre o tema no Brasil, observa que cada sistema de busca e cada aplicativo no mercado possui diretrizes diferentes.

“É preciso entender todos esses sistemas e compreender o que faz com que a empresa se torne mais visível. É a questão da encontrabilidade. Se formos fazer um paralelo, a gente trabalha para que nossos clientes, se fossem buscados no Google, por exemplo, aparecessem sempre nos primeiros resultados. E isso gera um retorno nos negócios muito significativo”, aponta.

A procura cada vez maior pela solução de estar mais evidente em espaços digitais, fez o negócio da startup decolar. A HubLocal cresceu 1.000% com a chegada da pandemia e a urgência das empresas de se destacarem no ambiente digital.

“Empresas que apostaram no reforço da presença de marcas e lojas no ambiente online, surfaram nos bons resultados de vendas desde março deste ano.

O aumento do comércio no meio digital é reflexo do fechamento das lojas físicas durante a pandemia, colocando a internet como um dos principais canais para as movimentações. Com foco nisso, a HubLocal, vem ajudando clientes a ampliarem ainda mais os retornos financeiros em vendas de produtos, chegando a dobrar o faturamento de algumas empresas apenas deixando-as mais “visíveis” para os consumidores”, fala Felipe.

O executivo, aponta ainda que tem fatores de extrema relevância que empresas devem ficar atentas para ganharem esse destaque. A primeira delas é confirmar se o nome da empresa, endereço e telefone (NET) é o mesmo em toda a web.

“É muito comum empresas serem cadastradas por diferentes usuários nos mais distintos mapas e listas da internet, dessa forma é de suma importância confirmar se o seu NET está correto não só no Google Meu Negócio, mas também em todos os seus perfis nas mídias sociais e diretórios online.

Se o Google encontrar informações conflituosas para o seu negócio, ele pode não atribuir nenhuma das informações a você. Ou pior: você pode ser penalizado”, dá a dica. Outro ponto de atenção que Felipe destacou, é que para aparecer com destaque, a empresa precisa ter além de informações atualizadas, também ser constantemente monitorada. Isso ajuda que o “Nearby” do Google funcione bem e gere visibilidade para o seu negócio.

Obter avaliações e responder a todas também ajuda a estar bem rankeado. “Ter boas avaliações sobre os seus produtos ou serviços nas plataformas de mapas e listas fará a sua empresa se tornar referência no seu segmento”, conta. E finalmente, mas não menos importante, capriche nas fotos, afinal uma imagem vale mais que mil palavras. 2021 está batendo a porta e será uma oportunidade única para gerar mais negócios e aproveitar a retomada econômica.

(*) – Fonte e mais informações: (https://hublocal.com.br/).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap