Lazer e Cultura 16/12/2015

Final de temporada

6a68352a-7ad1-4f2a-95e6-692613de5bbc temporario
  • Save

O público tem mais 4 sessões para conferir o espetáculo que traz à tona a história real de refugiados em São Paulo no movimento que durou 23 dias

Em cena, 5 atores e 3 músicos reconstituem momentos da revolta que atingiu mais de 700 mil pessoas, a maioria delas imigrantes. A história de uma revolução pouco lembrada até por brasileiros é o mote do espetáculo 1924, A Revolução Esquecida montagem da Cia Ocamorana de Teatro. A montagem aborda uma história que apesar documentada, é pouquíssima conhecida. A peça trata do assunto por meio da ficção, mas também reconstitui alguns fatos reais. A trama se passa nos dias dos ataques. Imigrantes em uma grande cidade buscam uma nova vida, mas acabam em um pesadelo. A peça conta a saga de um grupo de pessoas que está abrigada no extinto Teatro Olympia (antigamente localizado no bairro do Brás), após ter suas casas destruídas. A situação se redimensiona em horror quando se descobre que foi do próprio governo a ordem para a chacina promovida contra o povo. Com, Manuel Boucinhas, Maria Carolina Dressler, Mônica Raphael, Cristiano Tomiossi, Heitor Goldeflus. Direção musical: Cristiano Tomiossi. Criação musical: Flávio Rubens, Alexandre Moura e Samba Sam. Preparação vocal: Érika Coracini. Preparação Corporal: Nei Gomes. Cenografia: Antônio Marciano. Produção: Mônica Raphael e Cristiano Tomiossi.

Serviço: Sesc Belenzinho, R. Padre Adelino, 1000, Belenzinho, tel. 2076-9700. Quinta (17) e sexta (18) às 21h30 e domingo (20) às 18h30. Ingressos: R4 20 e R$ 10 (meia).

REFLEXÃO

A COISA MAIS DIFÍCIL
Ter dentro de si a senhora humildade. Aí esta a prenda maior e mais difícil de se obter. Calar-se quando alguém nos ofende. Silenciar quando, no meio dos que maldizem, vence a maledicência. Tudo isso é revelador de luz na alma. E seu autor já tem Jesus no coração.
O Chico ofendido e nada respondeu. Bateram-lhe na face e ele ofereceu a outra, não revidando. E o ofensor, surpreso e até arrependido, exclamou-lhe:
– Você será mesmo Chico, de carne e osso? Por que não revida a ofensa?
– Porque – respondeu-lhe o Chico – depois o sofrimento virá em dobro para mim…
A senhora humildade, vestindo-se o espírito, deu-lhe força para resistir e inspiração para traduzir a vitória, que nos advém quando temos a felicidade de testemunhá-la.
O Ofensor desabafa o seu ódio e pensa-se vitorioso.
O ofendido, calando-se, sofre no momento para depois sentir-se, sim, com força moral para aconselhar e saber que foi o vitorioso com Jesus.
Do livro: ‘’Lindos Casos de Chico Xavier’’, de Ramiro Gama

Circo

O palhaço Conforto
  • Save

Espetáculo no qual Conforto, um palhaço muito atrapalhado que acredita ser um grande ilusionista, tenta convencer a todos de que realmente consegue realizar um grande show na peça Desconforto. Por vezes seus truques dão certo, outras nem tanto, criando expectativas e causando gargalhadas por conta de seu fracasso. Em muitos momentos Conforto chama os espectadores para participarem de suas mágicas.

Serviço: Teatro Sérgio Cardoso, R. Rui Barbosa, 153, Bela Vista. tel. 3288-0136. Sábado (19) às 11h. Entrada franca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap