Geral 26 a 28/09/2015

Brasil perde 1,8% de suas florestas em dois anos, diz IBGE

A perda da vegetação florestal deveu-se à expansão agrícola, que respondeu por 68% da redução das florestas no país.
  • Save

O Brasil perdeu 1,8% de suas florestas entre 2010 e 2012, segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)

Em 2010, o país tinha 3,26 milhões de km² de vegetação florestal, enquanto em 2012, essa área caiu para 3,2 milhões de km², uma perda de quase 60 mil km² em apenas dois anos.
Nesses dois anos, houve a reposição de 204 km² de florestas, mas o desmatamento foi quase 300 vezes maior: 59,4 mil km². A perda da vegetação florestal deveu-se principalmente à expansão agrícola, que respondeu por 68% da redução das florestas no país. A expansão da pastagem plantada respondeu por outros 28% e a silvicultura por apenas 4%.
Segundo a pesquisa Mudanças na Cobertura e Uso da Terra do IBGE, no entanto, a principal perda de vegetação natural ocorreu nas pastagens naturais, que são áreas de vegetação campestre natural sujeitas a atividade pastoril de baixa intensidade e que perderam 7,8% de sua superfície nesse período.
A expansão agrícola também foi responsável por 65% do recuo das pastagens naturais. Outros 35% de perda foram provocados pela expansão da pastagem plantada. As áreas de vegetação campestre alagada, como charcos e pântanos, reduziram-se em 5,9%, enquanto as de vegetação campestre, como savanas, perderam 2,7% de sua superfície.
Ao mesmo tempo, as áreas artificiais, que incluem áreas urbanas, cresceram 2,5%, as áreas agrícolas aumentaram em 8,6% e as pastagens plantadas avançaram 11,1%. A silvicultura teve crescimento de 4,6% nesses dois anos (ABr).

Segunda dose da vacina contra o HPV já está disponível

A dose protege contra diversos tipos de lesões e cânceres causados pelo vírus, principalmente o de colo de útero.
  • Save

Meninas de 9 a 11 anos que tomaram a primeira dose da vacina contra o Papiloma Vírus Humano (HPV) devem retornar aos postos de saúde ou salas de vacinação para tomar a segunda dose. O HPV é um dos causadores do câncer de colo de útero. A imunização está disponível em todos os postos de atendimento do SUS e, além disso, o Ministério da Saúde recomenda aos estados e municípios que façam parcerias com escolas públicas e privadas para realizar campanhas de vacinação no ambiente escolar.
O Secretário de Vigilância em Saúde, Antônio Nardi, falou sobre a importância de dar continuidade ao tratamento – com as segunda e terceira doses – e da parceria com as escolas, que concentra o público-alvo. “A nossa mobilização é para fugir do setor saúde e deixarmos o envolvimento com o setor educação. Não se trata de uma campanha, agora se trata de uma rotina. Independente daquelas que tomaram a primeira dose, todas devem vir tomar a vacina”, disse o secretário.
Até agosto, 2,5 milhões de meninas entre 9 e 11 anos foram vacinadas contra HPV, o que representa 50,4% do público-alvo (4,9 milhões). No ano passado, quando a vacina foi disponibilizada no SUS, 100% do público estimado foi vacinado com a primeira dose, alcançando 5 milhões de meninas de 11 a 13 anos. Entretanto, apenas 3 milhões (60%) procuraram uma unidade de saúde para tomar a segunda dose, sendo que a meta do Ministério da Saúde é vacinar 80% do público–alvo.
Para Nardi, é fundamental que os pais se conscientizem da importância da imunização, que assegura nível de proteção acima de 90%, para meninas que não iniciaram a vida sexual. “Nós adquirimos 11 milhões de doses de vacinas neste ano para que todas as meninas que já tomaram a primeira dose [tomem a segunda] e as que não tomaram, possam vir para as salas de atendimento iniciar o tratamento”, completou (ABr).

Carros da Volks com emissões adulteradas

O ministro dos Transportes alemão, Alexander Dobrindt
  • Save

O ministro dos Transportes alemão, Alexander Dobrindt, afirmou que cerca de 2,8 milhões de veículos do grupo Volkswagen na Alemanha estão equipados com os dispositivos que permitem adulterar os testes de emissões poluentes. “Pelo que sabemos atualmente, os dispositivos afetam não só os automóveis de passageiros, mas também os pequenos veículos comerciais”, afirmou Alexander Dobrindt, citado pela agência de notícias alemã DPA.
A empresa admitiu, no início desta semana, que 11 milhões de seus veículos a diesel em todo o mundo estão equipados com o software que adultera os controles de poluição quando o carro está em teste e desliga quando está em movimento. A fábrica alemã vai publicar uma lista com os veículos afetados pela manipulação de gases poluentes em motores a diesel (Ag. Lusa).

Infarto agudo do miocárdio é responsável por 233 mortes por dia no Brasil

Infarto temporario
  • Save

Celebrado em todo o mundo neste domingo, 27 de setembro, o Dia Mundial do Coração visa alertar a população sobre os riscos das doenças cardiovasculares. Apenas no Brasil, segundo dados do Ministério da Saúde, o infarto agudo do miocárdio é responsável por cerca de 85,5 mil óbitos por ano, ou seja, 233 casos por dia – a segunda principal causa de morte no País.
“Saber diferenciar a queimação de um infarto pode ser o primeiro passo para evitar que os alarmantes números cresçam ainda mais. Além do reconhecimento do sintoma, a rapidez com que a pessoa procura o hospital e é atendido é outro fator determinante para evitar riscos maiores, já que a mortalidade no infarto agudo está relacionada ao tempo de atendimento”, revela o coordenador clínico do Serviço de Cardiologia do Hospital Santa Catarina, Prof. Dr. Walter Gomes.
O especialista elenca quatro características da dor no peito que necessitam de atendimento imediato:
Dor acompanhada de náuseas, suor frio, falta de ar ou desmaio;
Dor no centro do peito ou na parte superior do abdome e mais intensa que a habitual;
Incômodo no peito que aparece após a prática de exercício físico e desaparece ao repousar;
Dor no peito que se irradia para o pescoço ou para os braços.

Independente da origem da dor, prevenção é sempre a melhor alternativa. Prevenir é a palavra-chave quando o assunto é o coração. “Abandonar o cigarro, controlar o peso – se necessário, fazer regime e buscar uma alimentação mais saudável -, diminuir ou abolir o consumo de álcool, realizar atividades físicas regulares, como caminhadas, por exemplo, são passos simples que estão ao alcance de qualquer paciente e que podem fazer a diferença a favor da saúde já no curto prazo”, conclui doutor Walter.

Procedimento penal contra Joseph Blatter

O procurador-geral da Suíça, Michael Lauber, abriu na sexta-feira (25) um procedimento penal contra o presidente da Fifa, Joseph Blatter, que é suspeito de ter cometido gestão fraudulenta e apropriação indébita no comando da entidade máxima do futebol. Há cerca de duas semanas, Lauber já havia dito que a Justiça suíça poderia indiciar mais dirigentes ligados aos escândalos de corrupção na Fifa.
A Procuradoria-Geral suspeita que Blatter assinou, em 12 de setembro de 2005, um contrato com a União Caribenha de Futebol, na época chefiada por Jack Warner, que seria prejudicial à federação internacional de futebol. Além disso, ao implantar esse acordo, o suíço teria violado seus “deveres fiduciários” e agido contra os interesses da Fifa.
Blatter também teria feito um “pagamento desleal” de 2 milhões de francos suíços – às custas da entidade – ao presidente da Uefa, Michel Platini, por “trabalhos” realizados entre janeiro de 1999 e junho de 2002. No entanto, o desembolso foi concretizado apenas em fevereiro de 2011. O cartola estava sendo investigado há meses, mas esse é o primeiro procedimento penal aberto contra ele desde o estouro do escândalo de corrupção na Fifa, no fim de maio passado (ANSA).

Haia reconhece reivindicação boliviana de acesso ao mar

A Corte Internacional de Justiça (CIJ) de Haia reconheceu que a Bolívia pode reivindicar ao Chile o acesso soberano ao Oceano Pacífico. O tribunal rejeitou recurso impetrado pelo Chile, que argumentou a falta de competência da Corte para julgar o caso e reclamou que fossem mantidos os termos do Tratado de Paz e Limites de 1904. O acordo pôs fim ao conflito inciaido em 1879, quando forças chilenas ocuparam o território de 120 mil km² até o mar.
O presidente boliviano, Evo Morales, lembrou sua amizade com a presidenta do Chile, Michelle Bachelet, e disse que sente que ela tem grande interesse em resolver o assunto. “Nós vamos agir sempre com muita humildade, com muita serenidade, mas também com muita dignidade”, disse Morales. Ao receber a noticia da decisão da CIJ, Bachelet declarou que a Bolívia não ganhou nada e que a Corte de Haia apenas pôs o assunto na mesa.
“A única coisa decidida até agora é que a Corte está apta para reconhecer a reivindicação boliviana. E eu asseguro que o meu governo – e não tenham dúvida disso – adotará todas as medidas necessárias para salvaguardar a integridade do nosso território”. disse Bachelet. Em Haia, o jurista español Antonio Remiro Brotons, membro da equipe de advogados internacionais da Bolivia, afirmou que “a solução definitiva acabará sendo encontrada pelas partes que negociam com vontade politica, boa fé e sentido construtivo” (ABr).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap