Padilha: ‘Não se fala em crise institucional porque não existe’

O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, minimizou o estresse ocorrido entre o Legislativo e o Judiciário protagonizada pelo presidente do Senado, Renan Calheiros, e pela presidente do STF, Cármen Lúcia.

Segundo ele, não há crise institucional no Brasil e as instituições funcionam perfeitamente, com independência e harmonia.
“Crise institucional zero. As instituições, os poderes da República, funcionam plenamente. Portanto não existe crise institucional”, afirmou na sexta-feira (28) a jornalistas, ao chegar a evento na sede da Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul). Ele tratou de amenizar o episódio desta semana. “Nós tivemos sim, alguma discrepância entre como se vai interpretar um determinado fato entre o Legislativo e o Judiciário”, afirmou Padilha.
“O Judiciário disse como deveria ser. Ponto, terminou (a crise)”, disse Padilha, referindo-se à decisão do ministro Teori Zavascki, do STF, que suspendeu os efeitos da Operação Métis no Senado. A crise entre a opinião de uma pessoa e de outra não significa que há crise uma entre as instituições. “Portanto não se fala em crise institucional porque ela não existe”, avaliou (AE).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap