Por que sua marca precisa de um jogo mobile:
a ascensão do advergaming

Seu público não está mais respondendo aos seus anúncios da maneira que você gostaria? Se a resposta for sim, então você precisa tentar algo novo, afinal ser inovador é vital na publicidade mobile. Uma estratégia falha quando você considera o público como garantido.

Uma boa publicidade mobile deve se concentrar em ganhar a confiança do consumidor por meio de conteúdo valioso – fornecendo aos clientes em potencial, algo que eles gostem, a fim de criar reconhecimento da marca e incentivar o engajamento. Um exemplo disso é o que gostamos de chamar de advergaming.

O que é advergame?
Pesquisas da Social Peta indicam que um quarto de todos os downloads de aplicativos iOS em 2020 foram jogos mobile. Durante o isolamento causado pela pandemia, os downloads e o tempo gasto jogando aumentaram em aproximadamente 62%. 

O relatório de benchmarks da Adjust revelou que os jogos ainda são a maior vertical mobile em 2021, representando um quarto de todos os downloads de iOS e 21% de todos os downloads do Android. Sessões totais e diárias, instalações e tempo gasto no aplicativo por dia aumentaram em 2021 e, até o final de 2030, os jogos para dispositivos mobile devem atingir um valor aproximado de US$ 272 bilhões, já tendo atingido US$ 98 bilhões em 2020.

O mercado de jogos casuais é enorme, com uma rotatividade muito alta, o que significa um potencial significativo para advergaming – um anúncio não intrusivo disfarçado de jogo. No marketing de advergaming, as empresas criam jogos mobile projetados para promover produtos ou serviços. 

Os protagonistas ou objetos do jogo geralmente estão relacionados à marca ou produto que está sendo vendido. Por exemplo, um jogo de corrida da Subaru, onde o carro que você dirige é o modelo WRX mais recente, ajuda a aumentar o reconhecimento da marca de maneira não intrusiva.

O hábito de jogar no celular só deve crescer. Criar um jogo divertido e fácil é uma ótima maneira de atrair novos olhos para sua marca.

Quais são os benefícios do advergame?
Criar um jogo mobile pode exigir um investimento significativo de recursos, mas as novas tecnologias tornaram tudo mais fácil. Aplicativos sem código (ou low-code) reduziram a barreira de entrada para marcas que desenvolvem aplicativos – incluindo jogos. Com a ajuda de soluções sem código, você pode reduzir significativamente o tempo e o investimento que o desenvolvimento de um advergame pode exigir. Algumas ferramentas podem até permitir que você crie um jogo simples de graça.

Vamos dar uma olhada em alguns dos benefícios do advergaming, que pode ser o incentivo que você precisa para mergulhar.

Ao contrário dos anúncios que interrompem o jogador, os advergames não atrapalham a experiência do usuário. Na verdade, eles fazem parte dela. As pessoas envolvidas com seu produto procuraram o jogo –possivelmente até o baixaram para o smartphone– tornando-os usuários ainda mais valiosos.

Quando você cria seu próprio jogo mobile, os jogadores são essencialmente um público cativo que já indicou interesse em seu produto e, portanto, são alvos perfeitos para ofertas no aplicativo ou anúncios redirecionados para outras ofertas.

O impacto de um advergame também é facilmente mensurável. Como acontece com qualquer aplicativo, seu jogo pode gerar toneladas de dados primários sobre seus usuários, o que é cada vez mais importante, pois as medidas de privacidade tornam os dados de terceiros menos confiáveis e difíceis de obter.

O advergaming é adequado para a sua marca?
Assim como qualquer formato de anúncio, é importante considerar se um advergame é adequado para sua marca e seus objetivos de crescimento. Os advergames parecem ser mais adequados para empresas de consumo do que marcas B2B ou SaaS.

Dito isso, os advergames reúnem muitos dos melhores aspectos de diferentes tipos de publicidade – permitindo que você colete dados valiosos do usuário sem anúncios ou rastreamento intrusivos enquanto constrói a sua confiança. À medida que a barreira de entrada diminui e os jogos se tornam mais fáceis de criar, mais marcas adotarão essa forma única e envolvente de publicidade. 

Um grande exemplo de sucesso é o case da Magnum Pleasure Hunt , onde a marca criou uma caça ao tesouro virtual na web, onde os jogadores procuravam chocolate nos sites participantes. Os usuários podem desafiar amigos e compartilhar seus resultados nas redes sociais, tornando mais fácil para o jogo se tornar viral. Apenas sete meses após o lançamento, o site teve mais de 6 milhões de visitantes – com pessoas em todo o mundo gastando centenas de milhares de horas coletivas com a marca.

Os social games são o futuro dos jogos mobile. Permitir que as pessoas desafiem amigos ou compartilhem seus produtos não é apenas uma ótima maneira de atrair novos usuários, mas também aumentar as chances do seu advergame se tornar mais viral do que a maioria dos outros formatos de anúncio.

(Fonte: Guilherme Kapos – Head de Vendas LATAM na Adjust).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap