Criptomoeda com valor agregado à reputação das marcas

Com o objetivo de mensurar o valor das marcas por meio da reputação, a MOTIM – primeira aceleradora e gestora de posicionamento do mundo – acaba de lançar a RepCoin (RPTC), uma criptomoeda que tem seu valor agregado ao do prestígio das empresas no mercado brasileiro.
Segundo estudo da consultoria Maitland/AMO, a reputação atualmente é responsável por 35% do valor de mercado das empresas, em média. Dentro do mercado de inovação e tecnologia, o número chega a 43%. De acordo com Silas Colombo, fundador e CCO da MOTIM, é inquestionável o valor da imagem delas nos dias de hoje. “A reputação é a nova moeda e as companhias estão cada vez mais entendendo isso. O lançamento da RPTC serve para ilustrar que o posicionamento e prestígio das empresas continua sendo os principais ativos na transação de confiança entre marcas e seus consumidores”, afirma.
Criada no ambiente ethereum, a RPTC foi a forma concebida para simbolizar a importância da gestão de posicionamento assertiva dentro do mercado de inovação.
De acordo com o estudo internacional Meaningful Brands, da Havas, 77% das marcas poderiam sumir do mundo sem que os consumidores sentissem sua falta. “Essa é uma informação bastante preocupante. A necessidade de criar uma imagem autêntica e próxima aos seus clientes é vital para a sobrevivência das marcas e esperamos que esse movimento se transforme em um grande objetivo dentro do mercado de comunicação”, avalia a Brand Manager da MOTIM, Marina dos Anjos (https://motim.cc/).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap