90 views 5 mins

Como acompanhar as mudanças no ambiente de negócios a partir da tecnologia

em Tecnologia
terça-feira, 02 de julho de 2024

Em um mundo em constante evolução tecnológica, empresas de todos os tamanhos enfrentam o desafio de manter-se atualizadas e competitivas no mercado. A revolução digital está transformando indústrias inteiras, exigindo uma abordagem estratégica para a adoção e utilização das novas tecnologias. Mas é a capacidade de diferenciar entre inovação genuína e modismos que permitirá às organizações não apenas sobreviver, mas prosperar no mercado.

É o que explica Márcio Sena, Diretor de Tecnologia e de Comunidades da Impulso, People Tech orientada ao aumento de capacidade e produtividade de médias e grandes empresas: “Investir tempo e recursos em tecnologias que prometem revolucionar, mas acabam sendo fugazes, pode desviar a atenção de oportunidades verdadeiramente transformadoras. Inovações reais, como a inteligência artificial, oferecem melhorias tangíveis em eficiência e produtividade, enquanto tecnologias com mais hype do que substância podem resultar em desperdício de recursos e estagnação. Portanto, é fundamental que empresas não apenas sigam as tendências, mas analisem cuidadosamente o impacto prático e sustentável de novas tecnologias em seus processos e objetivos estratégicos. Isso permite decisões mais alinhadas com o crescimento e a longevidade do negócio”.
As empresas devem ser criteriosas ao adotar novas tecnologias, focando naquelas que proporcionam benefícios concretos e duradouros. Mas como fazer isso na prática? Abaixo, o CTO indica 5 estratégias: 
 
Avaliação de Necessidades
Na jornada de adoção de novas tecnologias, a avaliação de necessidades surge como um ponto de partida crucial. Isso porque as empresas precisam compreender profundamente seus desafios e requisitos específicos antes de embarcar em qualquer investimento. Dessa forma, a análise não apenas ajuda a priorizar o capital, mas também garante que as tecnologias adotadas agreguem valor tangível, impulsionando a competitividade e a inovação da empresa.
 
Análise de Impacto
Antes de começar a usar uma nova tecnologia, é importante ver como ela pode afetar os processos, equipe e clientes da empresa. Isso significa examinar não apenas os benefícios potenciais, mas também os custos e os riscos associados à sua implementação, garantindo que os ganhos superem quaisquer desafios que possam surgir. Essa abordagem proativa permite que as organizações minimizem os riscos de interrupções operacionais, garantindo uma transição suave e eficaz para o novo sistema. 
 
Testes Piloto
Realize testes piloto de novas tecnologias em pequena escala para avaliar sua eficácia e viabilidade antes de implementá-las em toda a organização. A estratégia consiste na implementação controlada da tecnologia em uma equipe ou departamento específico antes de sua adoção em toda a empresa. Essa abordagem permite uma avaliação mais precisa do impacto do recurso em cenários reais de trabalho, identificando possíveis desafios e oportunidades de otimização. Os testes piloto fornecem insights valiosos que ajudam a mitigar riscos e aperfeiçoar a implementação em larga escala, garantindo uma transição suave e eficiente para a nova tecnologia.
 
Capacitação da Equipe
Investir na capacitação da equipe é fundamental para garantir o sucesso da adoção de novas tecnologias. Por meio de treinamentos e programas de desenvolvimento, os colaboradores podem adquirir as habilidades necessárias para utilizar as novas ferramentas de forma eficaz e maximizar seu potencial. Não precisa ser somente de  conhecimento técnico, mas também de mudança de mindset e a cultura organizacional, incentivando a inovação e a colaboração. 
 
Monitoramento Contínuo
É essencial manter-se constantemente informado sobre as últimas tendências e avanços tecnológicos para garantir que a empresa esteja sempre à frente do jogo. Isso significa estar atento a novas tecnologias emergentes, mudanças no comportamento do consumidor e desenvolvimentos de mercado. Além disso, é importante ter flexibilidade para ajustar a estratégia da empresa conforme necessário, se adaptando às rápidas mudanças do mercado.

“Seguindo essas estratégias, as empresas podem garantir que estão adotando as tecnologias certas para o seu negócio, impulsionando sua competitividade e sustentabilidade a longo prazo”, finaliza Sena.