[email protected] 08/06/2024

Abertura do I Congresso Internacional Direito e Economia Política

@Acontece nessa sexta-feira, dia 11, às 15h, a abertura do I Congresso Internacional Direito e Economia Política: Reflexões sobre a China Contemporânea, com sessão de Q&A com Robert Lawrence Kuhn, especialista no processo de desenvolvimento chinês. O evento é coordenado pelo Programa de Pós-graduação em Direito Político e Econômico da Universidade Presbiteriana Mackenzie, e seguirá com painéis entre os dias 14 e 18 de junho de 2021. O evento é totalmente on-line. Para se inscrever, acesse https://www.even3.com.br/lipeconference/. O Congresso tem como objetivo estimular a produção acadêmico-científica em língua portuguesa sobre o país asiático, mediante a reflexão acerca do processo de desenvolvimento chinês e suas mediações entre Estado, economia, planejamento e mercado, bem como seus desdobramentos para a Economia Política Internacional. Os professores Melissa Cambuhy, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), e Francisco Siqueira Neto, da UPM, são os organizadores do evento.

Killing vence Prêmio Primus Inter Pares

@A Killing S.A. Tintas e Adesivos venceu o Prêmio Primus Inter Pares, realizado pela Associação Brasileira das Empresas de Componentes para Couros, Calçados e Artefatos (Assintecal), na categoria Design – empresa de médio/grande porte, com o case “Aproximação entre indústria química e designers de calçado”, que apresentou o projeto ACESSO – Desafio Kisafix de Design Calçadista. A cerimônia de premiação aconteceu nesta terça-feira, 1º de junho, transmitida virtualmente, com a presença física de apenas um representante por empresa ganhadora. O projeto ACESSO surgiu do desejo da Killing em fomentar e impulsionar o avanço do setor calçadista brasileiro. Consolidado no mercado, o Desafio realizará a sua 4ª edição em 2021. Para Cenira Cristine Verona, gestora de Projetos da Killing e idealizadora do ACESSO, o reconhecimento derivou da proposta da Killing de ousar na proposição do case, não apresentando um produto, mas uma iniciativa que contribui para a evolução do design calçadista, viabilizando a geração de uma infinidade de produtos melhores, com o uso de conhecimento técnico de colagem e novas tecnologias. “Inovamos e muito na proposta de interação direta de uma indústria química fabricante de adesivos com os designers de calçados, buscando uma língua comum para transmissão de conhecimento e aprendizado mútuo”, ressalta Cenira (www.inspiramais.com.br).

Downwind Group investirá R$ 20 milhões em empresas de tecnologia

@A Goldnet TI S/A foi a primeira a receber investimento da empresa Downwind Group. O objetivo da Downwind como fundo é utilizar os R$ 20 milhões para aceleração e aquisição de startups, criação de espaço para coworking, alianças e capacitação de profissionais, além de acelerar outras empresas que estejam se destacando no segmento de tecnologia. Em pesquisa realizada, pela KPMG (2020), com 1.300 CEOs de grandes economias mundiais, 270 CEO’s da América do Sul e 53 CEO’s brasileiros, constatou-se que o processo de aceleração da transformação digital que parecia ser rápido, em tempos de pandemia, percebeu-se que não era rápido o suficiente. Com as grandes mudanças nesse cenário tecnológico, as empresas de tecnologias aumentaram a demanda por profissionais da área de TI e inovação. Atento a tudo isso, o Fundo Downwind – Empresa Downwind Group, apesar do cenário econômico, vislumbrou uma excelente oportunidade de investimento nesse mercado de tecnologia.

Méliuz anuncia ex-PayPal e Wix para Diretoria de Novos Negócios

@O Méliuz, empresa de tecnologia que oferece soluções digitais para conectar marcas a consumidores por meio do seu marketplace e da oferta de serviços financeiros, anuncia a contratação de Isleine Marchini para assumir a recém criada diretoria de Novos Negócios. A executiva, que possui experiência no segmento de serviços financeiros, chega à companhia com o desafio de estruturar a área estratégica da empresa em um momento de forte expansão (https://www.meliuz.com.br/inicio).

Projeto de capacitação tecnológica Up Skill atrai 20 mil alunos em seis meses

@O Up Skill – projeto de capacitação tecnológica, que tem o objetivo de preparar mão de obra especializada em tecnologia da informação – atingiu a marca de 20 mil alunos cadastrados em apenas seis meses. O Up Skill teve início em Campinas, interior de São Paulo, onde foi realizada uma prova de conceito, no período de janeiro a agosto de 2020, e cujos resultados ratificaram a viabilidade do projeto e a eficácia da metodologia pedagógica. As ações estão sendo ampliadas, já permitindo a expansão para novos polos em outras localidades, como nos estados de Goiás e do Paraná. O projeto, que tem a plataforma Workover como a base tecnológica para a realização dos cursos, oferece uma série de trilhas de formação, cursos e conteúdos gratuitos voltados tanto àqueles que pretendem ingressar no mercado de trabalho, quanto quem está em busca de uma recolocação. Os cursos oferecidos pelo programa capacitam profissionais, tanto em soft skills como em hard skills, para atuarem em atividades de concepção, desenvolvimento, publicação, manutenção e evolução de produtos e sistemas de base tecnológica, não somente em empresas que desenvolvem software, mas também em qualquer tipo de empresa que demande profissionais da área de sistemas e computação. Os interessados podem se inscrever gratuitamente na plataforma Workover – https://workover.com.br/upskill.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap