Como garantir a segurança digital do seu negócio?

Os ataques cibernéticos são recorrentes. Neste ano já aconteceu um mega vazamento de dados de 223 milhões de brasileiros. Apenas alguns meses depois outro grande ataque: 40 milhões de CNPJs e 100 milhões de dados de veículos também foram roubados. Por mais que os maiores alvos sejam o governo e empresas com grandes bancos de dados, os PMEs também sofrem com isso.

E qual o motivo? Por essas pequenas e médias empresas apresentarem, em geral, uma infraestrutura de segurança mais simples e às vezes até inexistente. Mas é necessário investir uma fortuna nisso? A resposta é não. É possível você, pequeno e médio empresário, ter seus ambientes digitais seguros com pouco investimento. Confiram abaixo algumas dicas:

. O SSL (Secure Socket Layer) – É um protocolo de segurança que faz com que as informações trafegadas entre o seu site e os usuários sejam criptografadas, dificultando assim o acesso por hackers. Mas como saber se o site é certificado? Em seu navegador, no canto esquerdo, bem próximo de onde você digita o endereço, costuma aparecer uma pequena chave ou cadeado.

É lá que é indicado se o site possui ou não o certificado SSL. Essas certificações são emitidas por entidades competentes que garantem essa segurança. Além disso, o Google prioriza em suas buscas sites com SSL, o que aumenta a chance de um potencial cliente achar o seu negócio.

. Fator humano – Por mais que existam diversas tecnologias para garantir a segurança online do seu negócio, se os usuários responsáveis – você e a sua equipe – não estiverem preparados para detectar golpes, nada disso adianta. O phishing, por exemplo, é uma técnica criminosa em que, ao invés de invadir um sistema, o cibercriminoso finge ser alguém de confiança.

Um banco, cliente, amigo etc. para que você conceda informações como logins, senhas, dados bancários etc. de forma voluntária, achando que aquela comunicação é oficial. Por isso é importante a capacitação, para que todos conheçam os possíveis riscos e evitem que a segurança da sua empresa seja comprometida.

. Antivírus – Por mais básico que pareça, possuir um antivírus nos computadores que você e sua equipe usam para trabalhar é muito importante. Existem milhares de tipos de vírus, que podem espionar o que você faz (e coletar senhas), criptografar dados e exigir pagamento para a recuperação etc.

Além dos riscos, os vírus podem deixar as máquinas extremamente lentas, dificultando o bom andamento do trabalho de todos. Existem diversas opções de antivírus no mercado, com vários preços ou até mesmo gratuitos.

De acordo com Gustavo Salviano, CTO da Locaweb, “essas dicas são só a ponta do iceberg. Os ataques de cibercriminosos só evoluem – e a tecnologia para combatê-los também. Por isso é importante estar atento a esses detalhes e contar com parceiros experientes, que saibam lidar com a segurança digital do seu negócio”. – Fonte e mais informações: (www.locaweb.com.br).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap