Roma deve abandonar candidatura olímpica

A prefeita de Roma, Virginia Raggi, trabalha para anunciar hoje (21), por meio de uma coletiva de imprensa, o fim da candidatura da cidade para sediar os Jogos Olímpicos de 2024.

A oposição a receber as Olimpíadas foi um dos pilares da campanha de Raggi para prefeita, durante a qual chegou a dizer que era “criminoso” organizar os Jogos enquanto a capital italiana “morria afogada em trânsito e buracos”.
Desde que ela assumiu o poder, em junho, o abandono da candidatura é esperado, apesar dos apelos do primeiro-ministro Matteo Renzi, do Comitê Olímpico Nacional Italiano (Coni) e de alguns dos principais atletas do país, como o nadador Gregorio Paltrinieri, medalhista de ouro no Rio de Janeiro.
Aos 37 anos, Raggi vem promovendo uma administração conturbada em Roma e sofre com problemas ligados a seus assessores.
Além disso, o humorista Beppe Grillo, fundador da legenda, publicou em seu blog um manifesto contra os Jogos e colocou ainda mais pressão sobre a prefeita. Abandonar o projeto olímpico seria uma forma de Raggi reunir novamente o M5S em torno dela e aplacar a crise política que enfrenta. A candidatura de Roma aos Jogos de 2024 foi confirmada no fim de 2015, antes da atual prefeita chegar ao poder. Além da “cidade eterna”, estão na briga Budapeste, Los Angeles e Paris (ANSA).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap