Manifestantes chamaram atenção para o Dia Mundial do Câncer

O verde do gramado em frente ao Congresso Nacional deu espaço para o rosa na manhã de ontem (3).

A fim de marcar o Dia Mundial do Câncer, celebrado hoje (4), a ONG Recomeçar, com a participação da Procuradoria da Mulher do Senado, cuja titular é a senadora Vanessa Grazziontin (PCdoB-AM), liderou a formação de um laço humano para chamar a atenção para a doença.
Falta de informação e de prevenção adequada continua sendo fator decisivo para mortes que poderiam ser evitadas, conforme relata Edelvais Jeker, de 62 anos. A luta dela contra o câncer de mama começou cedo, aos 17 anos. Depois disso, ela venceu outras duas investidas do tumor. Sua luta inspirou a filha, Joana, a criar a ONG Recomeçar – Associação de Mulheres Mastectomizadas de Brasília, que defende uma ampla campanha de conscientização.
“Ainda existe muito tabu, medo e preconceito em relação à doença. E isso mata”, lastimou. Ela também reclamou do descumprimento da lei que assegura aos pacientes com câncer o início do tratamento em no máximo 60 dias após a inclusão da doença em seu prontuário no Sistema Único de Saúde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap