66 views 3 mins

De executivo a conselheiro: como trilhar essa jornada?

em Tecnologia
terça-feira, 14 de maio de 2024

A transição de executivo para membro de conselho consultivo de uma organização não é apenas uma mudança de título, mas também uma evolução na carreira que exige flexibilidade, aprendizado contínuo e mentalidade aberta para novos desafios. O setor segue bastante aquecido no Brasil e mundo afora, entre 2014 e 2020, o crescimento de conselheiros independentes foi de 39% para 60%, segundo uma pesquisa global da Korn Ferry.

Optar por uma trajetória nos conselhos consultivos não se apresenta como uma imposição ou continuidade automática, trata-se de um progresso natural para executivos com vasta experiência empresarial. O conhecimento técnico acumulado ao longo da carreira é altamente valorizado nesse contexto, mas é preciso não somente um profundo entendimento de negócio, como também expertise em governança e compreensão abrangente de temas que vão desde auditoria e finanças até sustentabilidade e gestão de riscos.

Investimento em qualificação e networking
Para se destacar na nova função, é crucial investir em qualificação e desenvolvimento constante. Cursos específicos em governança corporativa e habilidades de liderança podem fornecer a base necessária para uma transição bem-sucedida. Além disso, desenvolver uma sólida rede de contatos e estar ativo na comunidade empresarial pode abrir portas para futuras oportunidades.

Habilidades necessárias
Além do conhecimento técnico e da expertise em governança, as habilidades interpessoais desempenham papel fundamental na transição para conselheiro. A capacidade de comunicação eficaz permite influenciar e orientar as diretrizes estratégicas da organização, enquanto o pensamento crítico e a destreza para tomada de decisão são essenciais para navegar em ambientes complexos e dinâmicos. Essas competências fortalecem a capacidade de liderança do profissional e contribuem significativamente para o sucesso e a eficácia do conselho consultivo.

Em resumo, a jornada de executivo a conselheiro representa mais do que uma mera mudança de posição; é uma evolução profissional que demanda comprometimento, aprendizado contínuo e disposição para abraçar novos desafios. Ao ingressar nesse caminho, os profissionais têm a oportunidade não apenas de expandir os horizontes, mas também de desempenhar um papel importante no sucesso das organizações e atingir novos patamares de realização profissional.

(Fonte: CEO de Board Academy, EdTech de formação e desenvolvimento de conselheiros consultivos, independentes, fiscais e de administração de empresas – e-mail: [email protected]).