Stands com menu customizável para empresas e condomínios

Uma das pioneiras no mercado, a Smart Break já implementou mais de 70 stands de fornecimento de alimentos em empresas e condomínios, também chamados de Honest Markets – trata-se de mini lojas de conveniência que funcionam com autoatendimento e sem a necessidade de funcionário, baseando-se apenas na confiança: o cliente retira do stand o que deseja consumir, e ele mesmo é quem faz o pagamento do que retirou através de um tablet.

A startup acompanha uma tendência mundial que traz o consumo para espaços cada vez menores (como a migração de consumo de hipermercados para o conceito de mercado-minuto). O menu é totalmente personalizável, composto por mais de 180 artigos como bebidas (alcóolicas e não-alcóolicas), sucos naturais feitos no dia, frutas, refeições, saladas, sanduíches, sorvetes, doces em geral e muitos outros snacks – e uma das preocupações da empresa é sempre apresentar novidades.

A Smart Break toma conta de toda a dinâmica: instala e abastece por conta própria, controlando o estoque, necessidade de reposição e validade de produtos por meio de sistemas e auditorias. A empresa que contrata este serviço não tem custo e não é exigido faturamento mínimo, devendo apenas disponibilizar o ponto. Atualmente são 17 mil pessoas atendidas por esse sistema em empresas como Edelman, Ambev, Vix, Michael Page e Gympass, e com a projeção de instalar mais 500 pontos até 2022.

Antes com foco em empresas, mas com uma nova realidade batendo à porta, a Smart Break passou a atender também a demanda de prédios e condomínios, que buscam trazer comodidade aos seus moradores. Os mini-markets podem ser em diversos formatos, do tamanho que o cliente desejar e com base no número de pessoas que serão atendidas. São diversas vantagens, além da praticidade oferecida ao consumidor.

O mix de produtos é maior, com uma compra mais acessível e com preços mais honestos, pois a estrutura também é mais em conta, explica Rodrigo Colás, um dos sócios da startup e que usa sua experiência em logística e compras. Trabalhando em multinacionais é que o sócio teve a ideia de empreender no ramo: “Tinha dificuldade em encontrar opções de lanche práticas e do meu gosto após as 18h no meu trabalho. Em uma viagem de visita a uma filial da empresa, vi algo parecido com um Honest Market funcionando e aquilo me deu um estalo. Começamos a aprimorar e a elaborar a ideia”, explica.

Um dos destaques deste tipo de mini-market é a possibilidade de customização para cada cliente, desde o tamanho do stand, mix de produtos e serviços. “Com a instalação de stands em condomínios, nosso menu passou a ter uma oferta maior, incluindo itens de mercearia, vinhos e cervejas, por exemplo. Para os clientes que desejam ter bebidas alcoólicas, é possível colocar uma trava para consumo exclusivo de maiores de 18 anos” explica Ana Bete Colás, sócia de Rodrigo e administradora de empresas com foco em marketing, consultoria para franquias e coaching. Mais informações: (www.smartbreakbrasil.com.br).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap