80 views 2 mins

Procura por cruzeiros no país cresce 21% no primeiro semestre de 2019

em Manchete
quinta-feira, 17 de outubro de 2019

A procura de brasileiros por cruzeiros no país aumentou 21% no primeiro semestre. Este é o terceiro ano consecutivo em que o fluxo de passageiros apresenta crescimento, segundo dados divulgados ontem (17) pela Clia Brasil, associação comercial da indústria de cruzeiros.
Nos primeiros seis meses de 2019, foram registrados 293 mil embarques de turistas brasileiros em navios na costa do país, um aumento de 21% em relação ao mesmo período em 2018, quando foram transportados 231,4 mil passageiros.

Somando os embarques em cruzeiros dentro e fora do país, foram transportados 402 mil passageiros, um aumento de 16,1% em comparação com os 346 mil do mesmo período em 2018. Os brasileiros representam 64% dos consumidores de cruzeiros da América do Sul, o maior mercado do continente. Argentinos e colombianos representam 17% e 7%, respectivamente. Segundo a CLIA, a idade média entre esse tipo de passageiro é de 45 anos e a duração média da viagem é de 6,5 dias.

Entre os destinos domésticos, a costa brasileira é a rota de cruzeiro mais popular do país, representando 73% de todas as viagens de passageiros nacionais, no primeiro semestre de 2019. O Caribe é outro destino preferencial, com 64 mil brasileiros navegando para a região, entre janeiro e junho de 2019. Na temporada de 2018/2019, o Brasil recebeu sete navios que cruzaram a costa do país durante 841 dias, transportando 462 mil passageiros.

“No Brasil, a temporada 2019/2020 de cruzeiros receberá oito navios, um a mais do que a temporada passada, trazendo 531.121 leitos que serão divididos por 144 roteiros e 575 escalas. A temporada 2018/2019 foi responsável por um impacto econômico de R$ 2,083 bilhões na economia do país, gerando 31.992 postos de trabalho”, disse a entidade. O Ministério da Infraestrutura assinou um contrato para a construção do primeiro porto com terminal de passageiros exclusivo para cruzeiros, que será construído em Balneário Camboriú. O projeto do governo é construir 15 instalações voltadas para o turismo marítimo em todo o Brasil (ABr).