108 views 3 mins

Para ajudar seus concorrentes, não invista em fidelização de clientes

em Mais
segunda-feira, 13 de maio de 2024

Thiago Brandão (*)

No cenário empresarial moderno, onde a competição é intensa e as estratégias de marketing são cada vez mais sofisticadas, surge um debate crucial: investir mais na fidelização de clientes ou focar predominantemente na conquista de novos clientes?

Os dados recentes revelam uma realidade incontestável que favorece a fidelização como uma estratégia de negócios eficiente e rentável. Pesquisas revelam que cerca de 45% do faturamento de uma empresa é gerado por clientes fidelizados. Esse número substancial destaca o poder dos consumidores leais em impulsionar o crescimento financeiro de uma empresa de forma consistente ao longo do tempo.

Um dos pontos a considerar é o custo envolvido na fidelização versus aquisição de usuários novos. Em nossa experiência, fidelizar um cliente de uma empresa é de 5 a 25 vezes mais barato do que conquistar um novo. Essa diferença notável de valor torna a estratégia de fidelização não apenas mais acessível, mas também mais eficiente em termos de retorno sobre o investimento.

Outro dado revelador que notamos é que, em média, há uma probabilidade 7 vezes maior de concretizar uma venda com um cliente fidelizado em comparação com um novo. Isso ressalta a importância da confiança, familiaridade e relacionamento estabelecidos ao longo do tempo com consumidores leais, que resultam em uma maior predisposição para novas compras e transações.

Clientes fidelizados tendem a ser mais resilientes diante de desafios e mudanças no mercado. Eles estão menos propensos a migrar para a concorrência apenas por questões de preço ou ofertas temporárias, demonstrando uma lealdade que proporciona estabilidade e previsibilidade aos negócios

Diante desses dados e tendências claras, é evidente que investir mais em soluções de fidelização oferece uma série de vantagens estratégicas sobre a aquisição de novos clientes.
A rentabilidade, eficiência de custos, aumento nas chances de venda e a resiliência proporcionada por uma base sólida de clientes leais são pilares essenciais para o crescimento e sucesso sustentável de qualquer empresa.

Portanto, encontrar um equilíbrio estratégico entre aquisição e fidelização de clientes é fundamental para uma estratégia de negócios eficaz e orientada para o crescimento a longo prazo.

(*) – É fundador e CEO da Cuponeria (https://b2b.cuponeria.com.br).