Lazer e Cultura 29 a 31/10/2016

Estreia

ovono 2 temporario
  • Save

“OVONO”, novo espetáculo da Kompanhia do Centro da Terra estreia dia 5 de novembro, tem direção do artista multimídia Ricardo Karman, reconhecido por montagens ousadas e inusitadas

A peça é uma aventura de ficção científica, satírica e filosófica, na qual um gigantesco osso vindo do espaço está prestes a destruir a Terra. A única esperança do planeta é Ovono, o mais perfeito cérebro artificial já criado, mas esta “máquina” está aprendendo a pensar, a ter sentimentos, e pode não estar preparada para a difícil missão de destruir o objeto ameaçador e salvar a humanidade. Com Gustavo Vaz, Paula Arruda, Paula Spinelli, Fábio Herford, Bruno Ribeiro e César Brasil.

Serviço: Centro Cultural Banco do Brasil, R. Álvares Penteado, 112, Centro, tel. 3113.3651. Sábados e segundas às 20h e domingos às 19h. Ingressos: R$ 20 e R$ 10 (meia). Até 12/12.

REFLEXÃO

ENQUANTO TEMOS TEMPO: “… Enquanto temos tempo, façamos bem a todos…” – Paulo. (Gálatas, 6:10.). Às vezes, o ambiente surge tão perturbado que o único meio de auxiliar é fazer silêncio com a luz íntima da prece. Em muitas circunstâncias, o companheiro se mostra sob o domínio de enganos tão extensos que a forma de ajuda-lo é esperar que a vida lhe renove o campo do espírito. Aparecem ocasiões em que determinado acontecimento surge tão deturpado que não dispomos de outro recurso senão contemporizar com a dificuldade, aguardando melhores dias para o trabalho esclarecedor. Repontam males na estrada com tanta força de expansão que, em muitos casos, não há remédio senão entregar os que se acumpliciam com eles às conseqüências deploráveis que se lhes fazem seguidas. Entretanto, as ocasiões de construir o bem se destacam às dezenas, nas horas do dia a dia. Uma indicação prestada com paciência… Uma palavra que inspire bom ânimo… Um gesto que dissipe a tristeza… Um favor que renova a aflição… Analisemos a trilha cotidiana. A paz e o concurso fraterno, a explicação e o contentamento são obras morais que pedem serviço edificante como as realizações da esfera física. Ergue-se a casa, elemento a elemento. Constrói-se a oportunidade para a vitória do bem, esforço a esforço. E, tanto numa quanto noutra, a diligência é indispensável. Não vale esperança com inércia. O tijolo serve na obra, mas nossas mãos devem busca-lo. Livro Palavras de Vida Eterna – F.C. Xavier.

Drama

Elenco do drama “Eu, Chaplin”.
  • Save

O espetáculo “Eu, Chaplin” tenta estabelecer uma reflexão a respeito dos arquétipos do inconsciente humano a partir dos primeiros anos de vida do ator e diretor. Os episódios marcantes da biografia do britânico emergem em um ficcional encontro de Chaplin com seu irmão Sid, em um ambiente que alude a uma sala de psiquiatria. Esses acontecimentos servem de suporte para uma discussão sobre o valor da arte e as angústias do artista. Embora livremente inspirado em Minha Vida, autobiografia de Chaplin, a peça transcende sua história para pensar sobre o teatro e seus personagens, além de estabelecer um olhar sobre a construção da personalidade. Com Tadeu Pinheiro, Leandro D’Errico e Fernanda Zaborowsky.

Serviço: Espaço Parlapatões, Pça Franklin Roosevelt, 158, Centro, tel. 3258-4449. Quintas e sextas às 21h. Ingresso: R$ 40. Até 25/11.

Musical

No espetáculo “Fino no Samba”, três cantores da noite convidam o público a um passeio pelo melhor do samba. Esse é o mote que traz à cena: Rosa do Morro, João do Pandeiro e Zé da Quebrada. As músicas serão executadas ao vivo e um corpo de baile dará o contorno às cenas, mostrando toda a elegância do samba. Com, Heloisa Jorge, Guilherme Silva e Esdras de Lúcia.

Serviço: Teatro Itália, Av. Ipiranga, 344, República, tel. 3255-1979. De terça a quinta às 21h. Ingresso: R$ 20. Até 24/11.

Comédia

Estreis no próximo dia 5 a peça “Mistérios da Mente” que responderá às perguntas: Você sabe o que acontece quando misturamos Psicologia, Mágica, Teatro e Improviso num único espetáculo? Pois é, nós também não! O que podemos prometer é uma noite repleta de mistérios e muito bom humor, conduzida por Beto e Rafa, dois psicólogos com crise de identidade. Venha de mente aberta e preparado para fazer parte de algo muito especial. Com Beto Parro e Rafael Moritz.

Serviço: Teatro Augusta, R. Augusta, 943, Cerqueira César, tel. 3151-4141. Sextas às 21h30. Ingresso: R$ 30. Até 16/12.

Buscando o tesouro

Marcelo Lemer
  • Save

A peça “O Ilha do Tesouro” começa numa taverna na qual o ator Yunes Chami participa da primeira cena com as crianças (obrigatoriamente com de mais de 7 anos). Depois, elas entram por um alçapão e partem em busca do tal tesouro. Do outro lado, os adultos presentes viram piratas e também brincam em túneis, labirintos e sequências de lutas de espada até o desfecho.

Serviço: Teatro do Centro da Terra, R. Piracuama, 19, Perdizes, tel. 3675-1595. Domingos às 11h. Ingresso: adulto mais criança de 7 a 12 anos, R$ 120. Até 11/12.

Dona Cleide

A peça “Dona Cleide – Uma Funcionária Por Um Fio” conta estória de uma funcionária desleixada que após se contratada por uma empresa, passa por vários setores que envolvem o atendimento telefônico. Descubra e aprenda as melhores práticas de atendimento telefônico nesta divertida comédia. Direção: Carlinhos Machado e Yann De La taille.

Serviço: Teatro União Cultural, R. Mario Amaral, 209, Paraíso, tel. 2148-2904. Quartas às 21h. Ingresso: R$ 40. Até 16/11.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap