Geral 29/11/2016

António Guterres quer ONU com “respeito total pelos direitos humanos”

Secretário-geral eleito da ONU, António Guterres recebido pelo presidente da China Xi Jinping.
  • Save

O secretário-geral eleito da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, disse ontem (29) desejar que as forças de manutenção da paz da ONU sejam “melhor treinadas” e comprometidas com o “respeito total pelos direitos humanos”, acrescentando que quer uma organização mais centrada nas pessoas

“Precisamos que as nossas forças de manutenção da paz estejam melhor equipadas, melhor treinadas e mais atentas às necessidades e ao respeito total pelos direitos humanos”, afirmou, em entrevista em Pequim.
O próximo secretário-geral da ONU defendeu uma organização “mais ágil” e “menos burocrática”, capaz de “evitar situações dramáticas”, como as registradas recentemente de violação dos direitos das mulheres e das crianças. Os Capacetes Azuis, da ONU, foram este ano atingidos por denúncias de abusos sexuais, incluindo crianças, durante missões de manutenção da paz, especialmente na República Centro-Africana e na República Democrática do Congo.
Guterres disse ainda desejar que os diferentes instrumentos da ONU “trabalhem com o mesmo objetivo” e fiquem sujeitos a “avaliação pública e independente”. O antigo primeiro-ministro de Portugal, que se reuniu com o ministro dos Negócios Estrangeiros chinês, Wang Yi, destacou a contributo da China para a organização que dirigirá a partir do próximo ano. Pequim é quem mais contribui com as forças de manutenção da paz, entre os membros permanentes do Conselho da Segurança, contando com mais de 30 mil pessoas em 29 diferentes missões.
Guterres considerou que o país asiático “é hoje um pilar sólido do multilateralismo no mundo” e um “fantástico motor de crescimento da economia mundial”, que “precisa de paz e segurança”. Pequim pode ser um “mediador muito importante”, unindo partes que “estão envolvidas ou que suportam conflitos, em diferentes partes do mundo”, realçou. O português assume o lugar de secretário-geral da ONU, por um período de cinco anos, a partir de 1º de janeiro (Ag. Lusa).

Esperada a máxima adesão de estudantes nas provas do Saresp

O Saresp é utilizado no planejamento e estratégias pedagógicas da Secretaria.
  • Save

Hoje (29) e amanhã (30), mais de 1,1 milhão de estudantes matriculados na rede estadual de ensino farão as provas do Saresp (Sistema de Avaliação do Rendimento Escolar do Estado de São Paulo). Além da mobilização das 91 Diretorias de Ensino e professores, a Secretaria conta com mais um importante aliado: as famílias. A expectativa é que pais e responsáveis incentivem os alunos a comparecer às unidades durante as duas datas. O exame é direcionado aos 3º, 5º, 7º, 9º anos do Ensino Fundamental e à 3ª série do Médio.
Além de identificar o nível de aprendizagem dos estudantes em Língua Portuguesa e Matemática, o Saresp é utilizado no planejamento e estratégias pedagógicas da Secretaria. Com os dados extraídos da prova é possível fazer uma radiografia mais fiel da qualidade do ensino paulista e onde é preciso avançar. Professores e equipes gestoras das escolas também usam os indicadores nos planejamentos anuais e semestrais.
Na última edição, a rede alcançou o melhor índice da história com a melhora em todos os níveis de ensino. O bom resultado se repetiu em outras duas avaliações externas. No Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb), destinado aos 5º e 9º ano do EF e 3ª série do EM, São Paulo conquistou a primeira posição nacional nas três faixas. Já a Avaliação Nacional do Rendimento Escolar (Prova Brasil), mostrou que 8 em cada 10 alunos do 3º ano EF sabem ler e escrever adequadamente (SEE).

Banco mais antigo derruba Bolsa de Milão

O FTSE MIB, principal índice da Bolsa de Valores de Milão, fechou o pregão de ontem (28) com queda de 1,81%, em 16.216 pontos, graças ao desempenho das ações do Monte dei Paschi di Siena (MPS), que caíram 13,8%. Fundado em 1472, na cidade toscana de Siena, o banco é considerado o mais antigo do mundo ainda em funcionamento e enfrenta uma grave crise financeira devido à elevada presença de créditos deteriorados em sua carteira.
Ontem foi o primeiro dos cinco dias de prazo para detentores de obrigações subordinadas do MPS converterem esses ativos em ações da instituição financeira, o que provocou a queda na Bolsa de Milão. As obrigações subordinadas são investimentos de alto risco que, em caso de insolvência, só são pagos depois de todos os outros créditos devidos pelo banco. A conversão faz parte do plano de reestruturação do MPS, que também inclui a demissão de 2,6 mil funcionários e o fechamento de 500 filiais até 2019 (ANSA).

Direitos a advogados que tiveram filhos

O presidente Michel Temer sancionou uma lei que define alguns direitos e garantias para advogadas e advogados que tiveram ou adotaram filhos. A Lei 13.363 foi publicada no Diário Oficial da União de ontem (28).
De acordo com a nova legislação, no caso de serem os únicos responsáveis por alguma causa, tanto o advogado como advogada que tiveram ou adotaram recentemente um filho poderão reivindicar suspensão de prazos processuais – no caso de mulheres, por 30 dias contados a partir do parto ou da adoção; e no dos homens, de oito dias.
A lei prevê também que gestantes passem a ter reserva de vagas na garagem dos fóruns de tribunais, acesso a creche ou a “local adequado ao atendimento das necessidades do bebê”, além de não precisarem ser submetidas a detectores de metais e aparelhos de raio X nesses locais (ABr).

Mantova é província com melhor qualidade de vida na Itália

Basílica de Sant’Andrea Apóstolo - em Mantova - é uma das obras do arquiteto Leon Battista Alberti do renascimento italiano.
  • Save

Capital da Cultura 2016, Mantova é a província italiana com melhor qualidade de vida, de acordo com um estudo anual divulgado no domingo (27) pela Universidade La Sapienza. Localizada na Toscana, Mantova desbancou Trento neste ano, que desde 2011 liderava o ranking. Em último lugar, ficou Crotone, na Calábria. Segundo os dados do estudo, mais da metade da população da Itália, cerca de 54%, vive em áreas com qualidade de vida escassa ou insuficiente.
A pesquisa, que chega à sua 18ª edição, analisa 110 províncias italianas, considerando nove aspectos: trabalho, ambiente, criminalidade, crise social e pessoal, população, serviços financeiros, escola, sistema de saúde, tempo livre e padrão de vida. Os 10 primeiros locais bem colocados na pesquisa são: Mantova, Trento, Belluno, Pordenone, Siena, Parma, Udine, Bolzano, Vicenza e Lecco. Ficaram nas últimas posições Carbonia-Iglesias, Medio Campidano, Reggio Calabria, Imperia, Palermo, Caltanissetta, Trapani, Agrigento, Nápoles, Siracusa e Crotone.
O sul da Itália e as principais metrópoles apresentaram resultados piores em 2016, se comparados com a última edição do estudo, que chega em seu 18º ano. Enrtre as grandes cidades, como Roma, Nápoles e Milão, houve uma piora da qualidade de vida em todas com população superior a um milhão de habitantes. Apenas Turim apresentou uma melhora. Já Roma, pela primeira vez na série do estudo, foi classificada com “qualidade de vida insuficiente”. A capital italiana caiu 19 posições na lista e ficou no 88º lugar (ANSA).

‘Viagem entrou para história’, dizem turistas em Cuba

“A cidade parece adormecida, está silenciosa em sua beleza”.
  • Save

Uma frase tem sido repetida, com surpresa e animação, pelos turistas estrangeiros em Havana, capital de Cuba: “ninguém esperava que nossas férias entrariam para a história”. A morte do ex-líder cubano Fidel Castro na última sexta-feira (25), aos 90 anos de idade, pegou os viajantes, e todos os líderes mundiais, de surpresa.
“Chegamos sexta-feira, fomos direto para nosso hotel e assistimos ao anúncio da morte ao vivo”, contou a parisiense Jacqueline, de férias na ilha caribenha com seu marido, Maurice, relembrando o vídeo transmitido pelo presidente de Cuba e irmão de Fidel, Raúl Castro, que leu um comunicado na TV sobre o falecimento do líder da Revolução Cubana. “A notícia nos pegou de surpresa e resolvemos reprogramar todo nosso plano de viagem para poder ver tudo de perto e ser parte da história”, confessou o casal. Ao contrário dos franceses, o alemão Alder, de Munique, manteve seu roteiro, que incluiu Varadero e Cayo Largo, mas reconheceu que o clima na ilha é “quase mágico”.
“A cidade parece adormecida, está silenciosa em sua beleza”, comentou. Fidel, que estava afastado oficialmente do poder desde 2008, teve seu corpo cremado no sábado, mas o funeral está marcado para domingo (4), no cemitério Santa Efigênia, em Santiago de Cuba. O governo cubano proclamou nove dias de luto oficial e os moradores da ilha e turistas estrangeiros poderão ver os restos mortais de Fidel na Plaza de la Revolución, em Havana (ANSA).

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap