Fintech alavanca as vendas de varejistas, indústrias e seus distribuidores

A Trademaster, fintech especializada em soluções financeiras e de crédito B2B, auxilia desde 2015 mais de 500 mil pequenos e médios varejistas que fazem suas compras regularmente junto às grandes indústrias e seus distribuidores, alavancando as vendas de toda a cadeia de distribuição por meio de acesso a crédito, prazo e melhores condições comerciais.

De acordo com Francisco Pereira, fundador e CEO da Trademaster, a plataforma é baseada em nuvem e se conecta em tempo real via APIs com os sistemas de gestão das empresas parceiras, viabilizando o acesso a prazos e limites estendidos no ato da compra, tudo de forma integrada.
“Nosso modelo de recorrência de crédito se provou bastante singular e inovador ao longo do tempo por ser altamente escalável e trazer um diferencial importante para nossos parceiros, reforçando nosso posicionamento como uma solução de produtos e serviços para as PMEs”, explica.

Atentos às mudanças de mercado, a startup observou que as cadeias de distribuição precisavam de uma solução inovadora que empoderasse o pequeno varejista e ajudasse a cadeia como um todo. Desta forma, são oferecidas condições de crédito e prazos para que seja possível a compra de insumos de primeira linha, assim como o volume e o mix de produtos corretos para maximizar a lucratividade.

“Nascemos com o DNA da indústria e do varejo. Por isso, conhecemos suas dores e criamos uma solução sob medida para a realidade de cada negócio. Toda a transação comercial entre os elos da cadeia de distribuição para os nossos clientes é realizada por nós”, comenta Francisco. Além de propor melhorias no processo de vendas, a Trademaster criou uma solução integrada nos processos comerciais e financeiros das indústrias e distribuidores, de uma forma quase imperceptível.

“Observamos que os produtos bancários tradicionais não suportavam a demanda de crédito, apresentando juros elevados, muita burocracia e baixa customização para as necessidades específicas das cadeias de distribuição”, conta o CEO. Nesse contexto, os pequenos e médios varejos têm acesso ao crédito, com maiores prazos e limites, para melhorarem suas compras e gestão de estoque. “Esse processo é totalmente sem fricção e a indústria ou o distribuidor recebem à vista, sem risco de inadimplência, e os clientes pagam a prazo diretamente para a fintech”, informa Francisco Pereira.

Em fevereiro, a fintech fechou um acordo de investimento de R$ 100 milhões com o banco BV, um dos maiores bancos privados do país. A parceria também inclui a disponibilização de uma estrutura de funding inicial de R$ 500 milhões para suportar o crescimento de 120% das operações da fintech em 2021. “Estamos em um momento único, a evolução dos ecossistemas e das plataformas de e-commerce B2B, irá acelerar o nosso crescimento. Empreendedorismo e resiliência foram as marcas da nossa trajetória até aqui e com a chegada do BV podemos sonhar ainda mais alto”, conta Francisco.

Os recursos da rodada estão sendo aplicados na ampliação da oferta de produtos, além de fazer a fintech avançar na criação de novas soluções para pequenas e médias empresas. Atualmente, o portfólio da fintech tem mais de 60 parceiros conveniados, entre grandes indústrias nacionais e multinacionais e seus distribuidores. “O investimento do BV visa acelerar ainda mais a expansão da oferta de produtos e soluções inovadoras para turbinar nossa missão de empoderamento do pequeno e médio varejo no Brasil”, finaliza Pereira.

No mercado desde 2015, a Trademaster é uma fintech que ajuda toda a cadeia de distribuição, da indústria ao varejo, a alavancar suas vendas, por meio de soluções financeiras e de crédito B2B. A fintech empodera e aumenta o poder aquisitivo dos varejos, com crédito e prazos estendidos. Atualmente, atende mais de 500 mil varejistas, e mais de 60 clientes, entre grandes indústrias nacionais e multinacionais e seus distribuidores. Fonte e outras informações: (www.trademaster.com.br).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap