Livros em Revista 24 a 26/11/2018

como e que se diz temproario
  • Save
Como é que se Diz?

Telma Guimarães – Luciano Tasso (Ilustr) – Do Brasil – Dois irmãos foram conhecer os novos vizinhos. Perceberam ao primeiro contato, diferentes palavras utilizadas, algumas sem nenhum sentido. Os simpáticos vizinhos eram gaúchos, também estranharam algumas falas paulistas.  Logo enturmaram-se. Todos descobriram que mexerica ou bergamota, tem o mesmo gosto e que sinal ou sinaleira deve ser respeitada. De maneira lúdica e com interessantes ilustrações, os infantes e também adultos, receberam a mensagem de que devemos aceitar a diversidade, para que todos possam conviver em desejada harmonia. Leitura cidadã.

a estrategia temproario
  • Save

A Estratégia do Escorpião

Gabriel Waldman – Viseu –  O autor húngaro, literalmente um sobrevivente em fuga dos horrores da 2ª guerra mundial, após longa travessia, aqui aportou, com 16 anos de idade. Desde criança entretinha-se escrevendo, para afastar a solidão. Vencedor, hoje empresário exitoso, desfila seus dotes literários com galhardia. Lançou o romance em tela, que tem bom conteúdo para entretenimento e cabedal cinematográfico. Encenado em épocas diferentes – Idade Média e século XX – temos um personagem que busca compulsivamente desvendar um mistério em recorrente sonho com sua terra natal. Diversão  garantida com ótimas informações!

volta temproario
  • Save
Volta: Se Houver Motivo Para Voltar

Ana Costa – Scortecci – Uma mini biografia relatada em forma de diário, pontuando cenas tristes, passionais, alegres e muita superação. Sua vida, assim como da maioria das pessoas, passou por modificações profundas, que normalmente causariam lacunas irreparáveis. Sua zona de “conforto” abalou-se após um acidente vascular cerebral – AVC – Seguiu-se a ele novas contundências. Irrequieta, não deixou-se dominar. Tinha tudo para choramingar. Não! Foi à luta, enfrentou obstáculos e literalmente os venceu. Uma digna e bela história. Ótimo exemplo.

o menino temproario
  • Save
O Menino que Roubou o Olhar do Poeta

Rony Cácio –  Inspirando-se em Manuel de Barros e homenageando-o, o autor que também é ator – e dos bons – Criou e atua no quadro humorístico “Comida dos Astros”, criou poemas absolutamente diferentes, impactantes, belos, com elevada dose de sensibilidade. Suas ilustrações lastreadas em seus próprios bordados e criativos neologismos, conferem à obra um toque de especial ineditismo. Muito bom!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap