187 views 6 mins

Via Digital Motors

em Via Digital Motors
quarta-feira, 06 de dezembro de 2023

Lucia Camargo Nunes (*)

Ranger Raptor tem primeiro lote esgotado

Ranger Raptor. Foto: Ford.

A Ford completa o portfólio da picape Ranger trazendo para o Brasil a versão Raptor, a mais esportiva de todas. Custa R$ 448.600 e já teve o primeiro lote de 400 unidades esgotado.

Equipada com motor 3.0 V6 biturbo rende 397 cv, a Raptor é importada da Tailândia (a demais Rangers vêm da Argentina). O câmbio é automático de 10 velocidades com calibração exclusiva, tração 4×4 automática e diferenciais dianteiro e traseiro blocantes.

Com diferenças no chassi e carroceria mais alta e larga, a picape também tem suspensão reforçada, além de rodas de 17” e pneus General Grabber AT 285/70. Em suma, ela é mais esportiva e preparada para o off-road.

No interior, traz bancos esportivos com ajustes elétricos e inspirados em caças, com revestimento em couro e suede, em formato concha. De acordo com a Ford, a estrutura de espuma é preparada para absorver impactos.

Citroën apresenta novo SUV Aircross

Citroen C3 Aircross. Foto: Stellantis.

A Citroën apresentou em detalhes seu próximo SUV que só será vendido no Brasil no primeiro semestre de 2024.

O C3 Aircross será produzido em Porto Real (RJ) e virá equipado com o motor T200, 1.0 turbo de 130 cv de potência e transmissão automática CVT de sete velocidades, já utilizado em modelos Fiat e Peugeot.

Os preços vão de R$ 110 mil a R$ 130 mil nas versões de 5 lugares, mas o SUV terá opções de 7 lugares – serão dois bancos individuais rebatíveis e removíveis instalados no porta-malas. Sem os bancos adicionais, o bagageiro acomoda 493 litros, um dos maiores da categoria.

Clássicos da Volks ganham ‘certidão de nascimento’

Garagem VW com clássicos da marca. – Foto: VW.

A Volkswagen está lançando um serviço inédito no Brasil: o Certificado de Veículos Clássicos. O documento, que reconhece as características de produção de modelos clássicos fabricados Brasil, também fornece dados originais de produção, que podem ser úteis para preservar e restaurar os veículos da marca.

Trata-se de uma “certidão de nascimento”, emitida sempre no nome do atual proprietário do veículo clássico. Além disso, cada certificado terá um número serial único, que garantirá a rastreabilidade e autenticidade, evitando, dessa forma, possíveis falsificações.

O Certificado de Veículos Clássicos é emitido através do VW Collection para os veículos produzidos no Brasil que tenham pelo menos 20 anos. A Volkswagen Alemanha foi parceira nessa iniciativa, sendo utilizada como referência.

Quando o cliente solicita a certidão, a equipe especializada de Desenvolvimento do Produto e de Vendas busca pelas informações de cada veículo em um processo praticamente artesanal. Depois disso, o certificado é emitido e enviado para impressão. O documento também recebe autógrafo de autenticidade das áreas responsáveis pela preservação destes dados e também da Garagem VW, o Desenvolvimento do Veículo Completo e o Departamento de Imprensa da VWB.

O valor arrecadado com as vendas do Certificado de Veículos Clássicos Volkswagen suportará financeiramente a Garagem VW na preservação e no restauro dos veículos do acervo histórico.

O custo é de R$ 500 mais o frete. O link do site: www.volkswagencollection.com.br/institucional/certificado-classico-vw

Nissan oferece novo acessório original

Banco do Versa. Foto: Nissan.

O revestimento de banco com airbag, nos materiais sintético e misto, passam a fazer parte do portfólio de acessórios originais Nissan para a picape Frontier nas versões S, SE e Attack e o sedã Versa Sense e Advance, a partir da linha 2023.

Com tecnologia exclusiva de costura de airbag, o acessório tem preço sugerido de venda a partir de R$ 2.279,46, a depender do material do acessório, modelo e versão do carro e localidade do serviço. Todos os revestimentos passam por diversos testes que garantem o funcionamento dos airbags, informa a Nissan.

A vantagem desse revestimento sintético, além do material ecológico, é ser de fácil higienização. Já o tipo misto 70% sintético e 30% material natural oferecem maior conforto térmico e resistência nas regiões de contato.

(*) Economista e jornalista especializada no setor automotivo, editora do portal www.viadigital.com.br e do canal @viadigitalmotors no YouTube. Acesse: linktr.ee/viadigitalmotors E-mail: [email protected]