163 views 54 secs

Brasil permanece na lista dos países mais atacados por malware

em Tecnologia
segunda-feira, 13 de novembro de 2023

O relatório Fast Facts de agosto da Trend Micro, líder mundial em soluções de cibersegurança, mostra um total de mais de 12 bilhões de ameaças cibernéticas registradas no oitavo mês do ano e um acumulado de 109 bilhões 504 milhões de ataques, com aumento considerável de casos de ransomware.

O Brasil continua sendo um dos países mais vulneráveis a ataques digitais, ocupando o terceiro lugar no ranking de nações atingidas por malwares. A lista foi liderada, em agosto, pelo Japão (30,1%), seguido dos Estados Unidos (17,3%) e completado por Índia (3,9%) e Austrália (3,7%).

O setor governamental teve a preferência do cibercrime, em agosto, tanto no Brasil como no cenário internacional. Localmente, os segmentos de educação, mercado financeiro, seguro e varejo completaram o top 5. Já ao redor do mundo, as empresas de healthcare, indústria, bancos e as de tecnologias foram os principais alvos.

“O governo é um agente importante de transformação digital e social, além de tratar um grande volume de informações, que representa oportunidades muito lucrativas para os atacantes. Os órgãos públicos precisam modernizar suas estruturas, adotando arquiteturas mais avançadas de segurança cibernética. Não há mais espaço para aquele velho pensamento ‘mas sempre fizemos assim’, destaca Sérgio Neves, Leader Public Sector da Trend Micro Brasil.