164 views 6 mins

A tecnologia e o princípio da eficiência na gestão tributária

em Tecnologia
segunda-feira, 26 de junho de 2023

Hoje, é difícil comentar sobre eficiência tributária sem citar a tecnologia…
 
Atingir uma posição de eficiência na gestão tributária deveria ser uma prioridade para a maioria das empresas brasileiras, especialmente com um sistema complexo e exigente, no que tange tanto na obrigação principal, que é o efetivo recolhimento do tributo, quanto na acessória, que são as obrigações prestadas ao fisco. O princípio da eficiência, nesse tema visa maximizar os resultados por meio da otimização dos recursos disponíveis, além de aprimorar os processos de apuração, controle e pagamento de impostos, buscando reduzir custos, minimizar riscos e garantir a conformidade fiscal.
 
Nesse quesito, a tecnologia desempenha um papel cada vez mais importante atuando como um agente facilitador da eficiência na gestão tributária. Por meio da implementação de soluções tecnológicas avançadas, a exemplo de softwares especializados e sistemas de automatização, as corporações podem acelerar e aprimorar suas atividades fiscais, conferindo uma maior precisão e celeridade ao controle das operações correlatas à tributação. Mas, afinal, como essa integração tecnológica está impactando a tomada de decisões estratégicas e a economia de recursos das empresas?
 
Parametrização fiscal: uma abordagem essencialmente tecnológica
A interseção entre a tecnologia e a eficiência na gestão tributária traz consigo um novo paradigma de otimização de processos e maximização de resultados. A parametrização fiscal consiste em um processo contínuo de configuração e adaptação de sistemas e softwares fiscais para operar com base nas alíquotas e regras tributárias corretas, de acordo com a legislação vigente.
 
Essa abordagem permite automatizar a escrituração fiscal, tornando-a mais precisa e eficiente. Ao estabelecer parâmetros específicos para cada tipo de tributo e operação, a parametrização fiscal garante que os cálculos e registros fiscais sejam realizados de forma adequada, evitando erros e inconsistências. Dessa forma, as empresas podem cumprir suas obrigações fiscais de maneira mais eficiente, mantendo-se em conformidade com a legislação e reduzindo os riscos de autuações e penalidades.
 
Através da parametrização fiscal, é possível estabelecer um fluxo contínuo de informações precisas e atualizadas, permitindo uma tomada de decisão embasada e estratégica. A agilidade proporcionada pela automatização das regras tributárias viabiliza uma resposta ágil às mudanças normativas, bem como uma maior capacidade de adaptação às demandas do mercado, garantindo a conformidade fiscal e a redução de riscos operacionais. Além disso, a economia de custos decorrente da minimização de erros e retrabalhos impulsiona a eficiência operacional e fortalece a competitividade das empresas no cenário tributário complexo e dinâmico de hoje.
 
Combinando capacitação profissional com a tecnologia
A sinergia entre profissionais altamente capacitados e o uso estratégico da tecnologia desempenha um papel fundamental na busca pela eficiência na gestão tributária. Enquanto a expertise dos profissionais fornece o conhecimento especializado necessário para interpretar as complexas legislações fiscais e promover uma análise crítica dos negócios, a tecnologia atua como uma poderosa aliada, oferecendo ferramentas avançadas para automatizar tarefas repetitivas e facilitar o monitoramento de alíquotas em constante mudança.
 
A combinação desses elementos permite um controle mais preciso e ágil dos processos fiscais, possibilitando a identificação de oportunidades de economia, a minimização de riscos de não conformidade e o planejamento estratégico assertivo. Para isso, é importante que a gestão tributária esteja a frente consciente do papel de estimular a busca constante por capacitação dos profissionais, criatividade e a adoção inteligente de soluções tecnológicas para trazer o time para uma posição muito mais estratégica com objetivo de garantir o sucesso da gestão tributária o que confere às empresas uma vantagem competitiva diante de um ambiente fiscal desafiador.
 
Nesse contexto, é extremamente importante reconhecer o valor tanto das pessoas quanto da tecnologia na gestão tributária, independentemente da ordem em que sejam mencionadas. A complementaridade inteligente entre profissionais capacitados e soluções tecnológicas avançadas conduz a operações mais seguras e lucrativas. E as empresas que estão na frente proporcionando uma interação harmoniosa entre pessoas e tecnologia tem alcançado uma gestão tributária muito mais eficiente, fortalecendo sua posição no mercado e impulsionando um crescimento sustentável. Assim, elevam-se além das fronteiras do sucesso, transformando desafios em oportunidades.
 
(Fonte: Thais Borges é Sócia e Diretora Comercial da Systax, empresa de inteligência fiscal).