Presidente da Câmara cobra envio de reforma administrativa e tributária

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, voltou a cobrar do governo o envio da proposta de reforma administrativa. O problema do estado brasileiro está na concentração de recursos, de impostos e de transferências.

“A gente não vai resolver o problema apenas criticando o discurso do ex-presidente Lula, propondo que alguém pode falar de AI-5, acho que a gente tem que dar soluções permanentes”, disse referindo-se à fala do ministro da Economia, Paulo Guedes, sobre a possibilidade de implantação de um novo AI-5 em casos de protestos de ruas contra o governo.

“Onde está o problema do estado? Está na concentração de recursos, de impostos e transferências, na elite da sociedade brasileira, do setor público e do setor privado. Temos que ter coragem de enfrentar esse debate”, afirmou Maia. Segundo ele, todas as reformas apresentadas buscam reduzir desigualdades e privilégios, tanto do setor público quanto do setor privado.

“É importante que o governo possa encaminhar [a reforma administrativa]. Vamos fazer o debate com calma, vamos trazer todos para esse debate, já que o objetivo de todos é recuperar a capacidade de investimento do estado brasileiro”, cobrou, ao defender prioridade para a aprovação da reforma tributária. E que a ideia é criar um sistema mais eficiente e com menos distorções.

Também destacou que a unificação de impostos de bens e serviços tem consenso entre a maioria dos municípios e dos estados. “Um imposto único vai garantir uma modernidade, um sistema tributário moderno e mais eficiente para tributar as famílias e as empresas”, disse o presidente (Ag.Câmara).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap