Tendência para a logística em 2022: sustentabilidade

Foi-se o tempo em que a sustentabilidade era pauta apenas em rodas de conversas vegetarianas. Com o passar do tempo, a população em geral tem se atentado para esse tópico, que cabe em qualquer nicho, inclusive, para os e-commerces.

“Além de ser uma preocupação com o planeta, a sustentabilidade ainda traz um bônus para as empresas que vendem pela internet: a redução de custos”, explica Raphael Alexandre, Diretor da Omni Envios, empresa especializada em Ship From Store.

No começo da pandemia, com o lockdown em quase todo o mundo, os e-commerces tiveram um boom nas vendas e precisaram se adequar rapidamente ao novo cenário. A chamada quarentena já passou, e o ‘novo normal’ se tornou o modelo híbrido – e isso serve tanto para trabalho (metade da semana em home office, a outra metade no escritório), como para lazer e necessidades do dia a dia, como compras.

Os grandes centros de varejo, como shoppings, já voltaram a receber os clientes, mas há ainda uma grande parcela de consumidores que continua fazendo suas compras online. O que era para ser temporário, acabou caindo no gosto de muita gente, que prefere evitar a aglomeração nas lojas. Já é ultrapassado pensar que para fazer vendas pela internet sua empresa precisa de um galpão gigante, os Centros de Distribuição.

Hoje, com a logística inteligente e com o conceito omnichannel, é possível ser sustentável por meio do sistema Ship from Store – SFS, muito usado por grandes lojas e marketplaces. Essa estratégia de logística inteligente possibilita que os estoques das lojas físicas fiquem integrados. É possível aumentar as vendas, acelerar os prazos de entrega e gerar economia para os clientes e o negócio.
Pensar em sustentabilidade faz o empreendedor buscar alternativas e sair da zona de conforto.

“Os empreendedores precisam repensar os modelos de atuação da empresa, e optar por formas mais acessíveis e sustentáveis para entregar seus produtos”, afirma o executivo. Para isso, o Ship From Store aparece como a solução ideal. O sistema permite que as empresas movimentem seus estoques, integrando-os ao e-commerce de tal forma que eles também consigam fazer o envio a partir da loja mais próxima ao cliente.

Além de agilizar o processo de entrega em até três vezes, o SFS gera redução no custo do frete. Toda essa economia aumenta a taxa de conversão de vendas, uma vez que o valor do frete acaba sendo um chamariz, atraindo clientes pela possibilidade de economia. O menor frete também reflete na diminuição do abandono de carrinhos, fazendo com que as compras sejam concluídas.

Outro ponto importante é que o empresário poderá descentralizar o estoque e passar a entregar os produtos das lojas mais próximas de seus clientes, inclusive economizando também na logística reversa. Além dos benefícios econômicos para o empreendedor e para o consumidor, o Ship From Store pode ser considerado uma prática de logística verde, que contribui para a sustentabilidade, já que reduz o trajeto do produto e, por consequência, a emissão de poluentes.

Se hoje a sustentabilidade é um diferencial, no futuro será essencial em todos os âmbitos das empresas. Os lojistas precisam estar preparados e o momento para começar as mudanças é agora. “Vale a pena ficar de olho nas tendências do mercado logístico, que também tem, cada vez mais, soluções que favorecem o varejo e o planeta. O crescimento econômico está atrelado com a conscientização ambiental, e temos que abusar das novas tecnologias para unir, cada vez mais, essas duas frentes”, finaliza Alexandre. – Fonte e outras informações: (https://omnienvios.com.br/).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap