44 views 58 secs

Celular Seguro é bem avaliado para 71% da população do Sudeste

em Mercado
terça-feira, 14 de maio de 2024

Lançado pelo governo federal para coibir roubos e furtos de aparelhos móveis a partir de um aplicativo, o Programa Celular Seguro é uma iniciativa com elevada avaliação positiva, mas ainda permanece desconhecido para uma parcela considerável da população no Sudeste. Essa é uma das conclusões da última pesquisa Radar Febraban, realizada entre os dias 17 e 22 de abril.

O levantamento indica que 60% já tomaram conhecimento do Celular Seguro, e 58% já participam ou pretendem participar do programa. Entre os que já conhecem o benefício, a avaliação positiva é de 71%. Em contrapartida, 37% disseram não conhecer o Celular Seguro. Nesse percentual estão incluídos os 14% que demonstraram curiosidade em se informar melhor sobre o programa.

O Celular Seguro é uma alternativa para coibir a prática de golpes financeiros a partir do celular. No último mês, o governo anunciou melhorias de acesso e segurança que vieram fortalecer o programa. O cadastro está vinculado ao CPF do portador do aparelho.
A iniciativa conta com os bancos como parceiros.

As instituições financeiras que aderiram ao programa se encarregam do bloqueio de contas do titular que teve seu celular roubado, de acordo com os termos de uso definidos pelo aplicativo. O acesso ao Celular Seguro é feito pelo site gov.br e os aparelhos podem ser registrados via site (celularseguro.mj.gov.br), ou aplicativo disponível na Play Store (Android) e na App Store (iOS).