Acesso a crédito permite avanço no uso de energia solar

O Meu Financiamento Solar, maior fintech de crédito para energia solar do Brasil, que nasceu como um spin-off do Portal Solar e em 2020 se tornou uma joint-venture com o Banco BV, tem muitos motivos para celebrar este dia primeiro de outubro, no qual completa um ano.

Fortalecendo seu posicionamento como plataforma 100% digital, que torna o uso de sistemas fotovoltaicos mais acessível, a empresa ultrapassou a marca de 40 mil propostas pagas – 70% delas voltadas a instalações residenciais -, com cerca de 18 mil solicitações de financiamento por mês – somando aproximadamente
R$15 bilhões em originação de leads. Diferente do que muitos pensam, não é preciso ter uma quantia exorbitante de dinheiro para produzir a própria energia utilizando a luz solar.

A fintech cobre 100% do projeto – no valor de até R$ 500 mil para pessoas físicas, e R$ 3 milhões para pessoas jurídicas -, com parcelamento de até 84 vezes, e 120 dias para começar a pagar. Para se ter uma ideia do perfil de quem busca crédito para instalar sistemas de energia solar, 48% têm renda mensal de menos de
R$ 5 mil, outros 22% ganham de R$ 5 mil a R$ 10 mil. 84% dos pedidos de financiamento feitos à fintech vêm de pessoa física e 16% de pessoa jurídica.

Para Carolina Reis, diretora comercial da fintech, as pessoas estão identificando as inúmeras vantagens de utilizar energia solar e, com fácil acesso a crédito, estão apostando nessa mudança que faz bem para o bolso e para o meio ambiente. “É gratificante poder promover a introdução de milhares de brasileiros ao uso de fontes renováveis de energia, ainda mais em tempos de crise hídrica.

Com a necessidade de uma nova matriz energética para suprir a demanda no país e desafogar as hidrelétricas, o investimento em energia solar e o avanço dela se mostram cada vez mais urgentes e fundamentais, e temos trabalhado incansavelmente para contribuir com esse processo”. Nessa missão de inovar e levar energia solar a mais pessoas, a fintech conta com instaladores parceiros – mais de 22 mil empresas cadastradas em sua plataforma, entre MEIs, microempresas, entre outros.

Eles ficam encarregados de enviar as propostas dos clientes, podem acompanhar o andamento do pedido online, em tempo real, e mediante a proposta paga, recebem pela instalação do sistema solar fotovoltaico. Em desenvolvimento contínuo.

A expectativa de crescimento em financiamentos efetivados até o fim do ano é de 150% acompanhando a estimativa otimista do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) de que ainda este ano a energia solar seja responsável por 2,7% da produção energética do Sistema Interligado Nacional do país. – Fonte e outras informações: (www.meufinanciamentosolar.com.br).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap