63 views 57 secs

Vendas do varejo paulista recuaram 6,6% até outubro

em Manchete
segunda-feira, 26 de dezembro de 2016
Divulgação

Divulgação

Presidente da ACSP, Alencar Burti.

São Paulo – As vendas do varejo paulista caíram 6,6% nos dez primeiros meses deste ano, comparativamente a igual período de 2015, segundo pesquisa divulgada pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP) ontem (26). Só em outubro, a queda foi de 11,9%, ainda na comparação anual, conforme levantamento que considera o movimento do varejo ampliado, que inclui automóveis e materiais de construção.
“A recuperação do setor em 2017 depende da melhora da situação financeira das famílias. E, para isso, é imprescindível que as reduções futuras da taxa básica de juros por parte do Banco Central sejam menos tímidas”, diz o presidente da ACSP, Alencar Burti, ao comentar o resultado do levantamento.
Na avaliação da entidade, a queda do movimento nas lojas reflete o avanço do desemprego, somado à contração da renda e do crédito – este também mais caro. O calendário mais curto para o comércio, com um dia a menos de venda neste ano, também pesou no resultado de outubro.
Entre as 20 regiões do Estado monitoradas, as maiores quedas em outubro se deram na região Metropolitana Oeste (-16,9%) e no litoral paulista (-16%). Todos setores tiveram perda de vendas, principalmente as concessionárias de automóveis, nas quais a queda, na comparação anual, foi de 16% em outubro (AE).