63 views 2 mins

Temer não se opõe à presença de Dilma na abertura da Olimpíada

em Manchete
terça-feira, 14 de junho de 2016

Tânia Rêgo/ABr

Presidente interino Michel Temer e ministros do governo visitam o Parque Olímpico Rio 2016.

O presidente interino Michel Temer disse que não teria qualquer objeção à presença da presidente afastada, Dilma Rousseff, na abertura dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Destacou, no entanto, que esse é um assunto que não lhe cabe definir e que sempre defendeu a unidade do país. “Por mim, tanto faz. Não tenho nenhuma objeção”, afirmou o presidente sobre a possibilidade de Dilma comparecer ao evento, marcado para 5 de agosto.
Temer visitou o Parque Olímpico da Barra, na zona oeste do Rio, acompanhado de parte do corpo ministerial, do governador do Rio de Janeiro, Francisco Dornelles, do prefeito da capital, Eduardo Paes, e do presidente do Comitê Rio 2016. Ele disse que os jogos são uma possibilidade de unificar o país. “O que não podemos ter é brasileiros disputando com brasileiros. Isso foge à tradição sentimental do nosso povo. Acho que a Olimpíada revelará essa possibilidade de reunificação do pensamento nacional”.
Temer disse não estar preocupado com a possibilidade de a votação final do impeachment ocorrer durante os Jogos Olímpicos. “Nem minimamente. O Brasil não vive em função daqueles que o dirigem, vive em função de seu povo. E é em função do povo que estamos trabalhando”. Temer visualizou com entusiasmo as obras feitas para o evento, e lembrou que a cerimônia de abertura e as competições serão acompanhadas em todo o mundo. “Cinco bilhões de pessoas estarão com os olhos voltados para o nosso país” (ABr).