78 views 54 secs

Outras forças podem substituir o vazio deixado pelos EUA

em Manchete
quarta-feira, 21 de junho de 2017
Bebeto Mattews/AP/Estadão Conteúdo

Bebeto Mattews/AP/Estadão Conteúdo

Secretário-geral da ONU, António Guterres.

Nações Unidas – O secretário-geral da ONU, António Guterres, disse ontem (21) que a falta de engajamento dos Estados Unidos nos assuntos globais – como a mudança climática, direitos humanos e manutenção da paz – abriria o caminho para que outras forças internacionais ou regionais preencham o vazio.
Em sua primeira coletiva de imprensa como secretário-geral, Guterres tratou da mudança no relacionamento entre EUA e ONU, dos conflitos e da fome na África e no Oriente Médio e da crise global de refugiados sem precedentes. “Se os EUA se desvincularem de vários aspectos da política internacional e muitos das relações internacionais, será inevitável que outros atores ocupem o espaço”, disse Guterres. Ele acrescentou que isso não seria bom nem para os americanos nem para o mundo.
Guterres deixou claro que suas visões divergem das dos EUA em várias questões, incluindo a decisão de deixar o Acordo de Paris, cortes orçamentários para programas da ONU, e o recente aumento das tensões entre os EUA e a Rússia no espaço aéreo sírio. O secretário-geral afirmou que os cortes propostos no Orçamento dos EUA criariam “um problema irresolúvel para a administração da ONU” (AE).