Ministro diz que exportações podem reaquecer economia

 

Divulgação
  • Save

Ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Armando Monteiro.

As exportações podem ajudar a reanimar a atividade econômica brasileira, na atual fase de “ajuste fiscal severo”, na avaliação do ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Armando Monteiro. “O comércio exterior é o canal absolutamente prioritário neste momento. Temos oportunidade porque o câmbio está nos favorecendo”, disse Monteiro, em audiência na Comissão de Relações Exteriores no Senado. O ministro disse que a alta do dólar atenua desvantagens e é uma oportunidade para as empresas brasileiras.
O ministro disse também que é preciso fortalecer mecanismos de financiamento, com garantia, para incentivar mais as exportações. “Estamos em momento difícil do próprio processo de ajuste. A gente já percebe as dores e ainda não vislumbra os benefícios. Mas não há outro caminho, se não buscar o equilíbrio macroeconômico”, acrescentou o ministro, ao reconhecer que o setor industrial sofreu grande impacto com o aumento de preços da energia.
O ministro disse ainda que a economia brasileira ainda é muito fechada. Segundo ele, atualmente as exportações representam 20% do PIB. “Há um espaço imenso para que o Brasil ocupe um lugar de maior protagonismo no comércio mundial”. O ministro lançou o Plano Nacional de Exportações. O objetivo é incentivar o aumento da participação do Brasil no comércio exterior nos próximos anos.
De acordo com o ministério, o Brasil é a sétima economia do mundo, mas ocupa o 25º lugar no ranking de exportações. Na elaboração do novo plano, o governo listou 32 países considerados prioritários para a ampliação das exportações brasileiras, entre mercados tradicionais – como os Estados Unidos – e emergentes (ABr).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap