Bolsonaro contesta candidatura de Lula no TSE

Bolsonaro temproario
  • Save

Bolsonaro alega que o ex-presidente é inelegível.

Foto: Adriano Machado/Reuters

O candidato à Presidência da República, deputado Jair Bolsonaro (PSL-RJ), entrou ontem (16) com o sexto pedido de impugnação (questionamento) do registro de candidatura de Lula ao cargo, alegando que o ex-presidente inelegível.
No pedido, os advogados Tiago Ayres, Gustavo Bebianno Rocha e André Castro, que representam Bolsonaro e a coligação ‘Brasil Acima de Tudo, Deus Acima de Todos’, detalham o processo que levou à condenação de Lula no caso do tríplex do Guarujá e afirmam que o ex-presidente é inelegível. “Isso porque restou comprovado que o ex-presidente da República participou de um grande esquema de corrupção”, diz o texto.
O registro de candidatura de Lula já foi questionado pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge. Caberá ao ministro Luís Roberto Barroso decidir sobre os pedidos de impugnação. Hoje, ao ser questionado sobre o assunto, o ministro afirmou que fará “o que é certo”.
Barroso pode decidir de modo monocrático e liminar (individual e provisório) sobre o deferimento do registro, mas o mais provável é que o processo seja julgado diretamente no plenário do TSE.
O registro da candidatura de Lula também foi contestado por dois candidatos a deputado federal, Kim Kataguiri (DEM-SP) e Alexandre Frota (PSL-SP), e por dois cidadãos que não concorrem às eleições. Esses pedidos de impugnação foram distribuídas ao ministro do TSE Admar Gonzaga (ABr).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap