139 views 7 mins

Cinco benefícios do SMS e e-mail marketing para pequenas empresas

em Manchete Principal
sábado, 01 de junho de 2024

Wilton Farelli (*)

Fazer com que uma pequena empresa cresça e se destaque frente a grandes marcas do seu segmento não é uma tarefa fácil, principalmente, pois muitos desses negócios não dispõem de experiência ou de um orçamento adequado para investir em estratégias de marketing assertivas para este objetivo.

Porém, é importante destacar que uma boa campanha de prospecção não exige, necessariamente, um alto custo financeiro, uma vez que existem ferramentas mais acessíveis e tão eficazes quanto para alavancar a marca em sua área de atuação – tais como o SMS e o e-mail marketing.

Popularmente conhecidos no mercado, esses são alguns dos canais mais utilizados globalmente por empreendimentos dos mais diversos portes e segmentos. Quando bem estruturados, são capazes de elevar os retornos sob as campanhas aplicadas, contribuindo para uma maior produtividade e, ainda, fidelização dos clientes.

Em dados divulgados pelo Text Message Marketing Report, o SMS apresenta uma taxa média de abertura de 98%, sendo que 90% das mensagens enviadas são lidas, normalmente, em até três minutos após seu recebimento.

Já o outro canal, por sua vez, dados da Shopify mostram uma média de 8,32 bilhões de e-mails enviados diariamente no Brasil – o que faz com que 41% das empresas B2B o considerem como o melhor canal para vender e anunciar produtos.

Na prática, existem muitos benefícios que justificam tamanha aceitação dessas ferramentas pela população e pelo mercado, principalmente pelas pequenas empresas. Veja os principais. Confira:

  1. – Baixo custo – Tanto o SMS quanto o e-mail marketing são alguns dos recursos mais econômicos do mercado, possibilitando a elaboração de campanhas assertivas com o público-alvo por pacotes mais em conta para as pequenas empresas que, normalmente, não dispõem de grandes orçamentos para essa tarefa.

Dessa forma, basta realizarem a aquisição do crédito desejado para liberação das ações no mailing criado, em um processo facilitado de plug and play.

  1. – Maior alcance – Em ambos os canais, as pequenas empresas conseguem se comunicar diretamente com seu público-alvo, ao invés de enviar mensagens massivas que corram o risco de impactar clientes não aderentes a seu perfil.

Contudo, é importante destacar que esse maior alcance depende de uma higienização da base de contatos, segmentando-os através de uma série de categorias permitidas pelo SMS e e-mail marketing como sexo, idade e região.

  1. – Fácil implementação – Ao contrário de outras ferramentas que demandam um time dedicado ao seu gerenciamento devido à sua complexidade de uso, esses canais apresentam uma fácil implementação e gestão, não exigindo um conhecimento aprofundado nessas tecnologias para o desenvolvimento das campanhas de marketing.

Ainda, nelas, as estratégias podem ser rapidamente ajustadas quando necessárias, apresentando uma flexibilidade importante para elevar o engajamento entre as partes.

  1. – Mensuração – Toda campanha de marketing precisa ser mensurada em tempo real, como forma de identificar se os objetivos estão sendo atingidos ou se é preciso ajustar algum ponto.

No SMS e no e-mail marketing, esse acompanhamento pode ser feito de forma simples e rápida, não demandando um time especializado para gerir esses dados – o que auxilia as pequenas empresas a monitorarem seus planos sem um investimento maior para isso.

  1. – Integração com outros canais – Os clientes estão cada vez mais exigentes na forma pela qual são contatados pelas empresas. Por isso, é dever delas fornecerem mais de uma opção para se relacionarem, de forma que cada consumidor escolha seu canal predileto.

Aqui, tanto o SMS quanto o e-mail marketing podem ser conectados com outras plataformas facilmente – direcionando o usuário para o site organizacional, um chat de vendas, ou outra opção desejada.

Essa estratégia omnichannel é uma das ações mais importantes para qualquer empresa atualmente, principalmente as de pequeno porte, de forma que consigam reter seus clientes e atingir cada vez mais pessoas.

Todos esses benefícios são enormes atrativos para que as pequenas empresas consigam se destacar em seu segmento – desde que, claro, sejam levadas em consideração as particularidades de cada canal no momento de implementá-los. Afinal, cada um deles exige certos cuidados que precisam ser avaliados ao escolher qual implementar.

Na prática, como exemplo, é muito mais fácil ter um número ativo de SMS para contatar um cliente do que um e-mail funcional, além do fato deste segundo requerer um pouco mais de conhecimento do que o primeiro para conduzir e gerir sua estratégia.

Mesmo diante dessas diferenças, algo é certo: com uma base de contatos limpa e atualizada, estes dois canais poderão contribuir muito para a atração e fidelização de cada vez mais clientes para o crescimento das pequenas empresas.

No final, saber para quem falar e como se comunicar com assertividade e sem excessos, serão fatores determinantes para o sucesso destas campanhas.

(*) – É gerente operacional na Pontaltech (https://www.pontaltech.com.br/).