122 views 7 mins

Lazer e Cultura 08/01/2016

em Lazer e Cultura
quinta-feira, 07 de janeiro de 2016

Imaginação

Cena do espetáculo “Circo de pulgas”.

No espetáculo Circo de Pulgas, dois amigos decidem brincar de “circo de pulgas”, mas tudo dá errado

Os truques não funcionam e nada sai como planejado, então decidem treinar uma pulga de verdade. Eles vão estimular a imaginação do público com as acrobacias da pulga pulando de trampolins, andando na corda bamba e até voando de um canhão. A Cia Circo de Bonecos propõe o encantamento e a delicadeza do antigo circo de pulgas, ao mesmo tempo em que recria um espaço para o brincar, a fantasia e a imaginação. Em 2010, o espetáculo recebeu o Prêmio FEMSA de Teatro Infantojuvenil como Melhor Espetáculo, Melhor Ator e Melhor Trilha Sonora e o Prêmio APCA de Melhor Espetáculo Infantil. Ficha Claudio Saltini, Sandro Gattone e Josy Nascimento.

Serviço: Sesc Campo Limpo, R. Nossa Senhora do Bom Conselho, 120, Campo Limpo, tel. 5510-2700.  Sábado (16) e domingo (17) às 17h. Entrada franca.

REFLEXÃO

A LINHA DE CONDUTA
Se as expectativas ansiosas saturaram-nos a alma, saibamos afrontá-las com a calma requerida e a necessária serenidade. Não nos desviemos dessa linha de conduta sabendo equilibrar o coração no centro de nossas obrigações sagradas de filhos, esposos e pais. Contamos sempre com o auxílio fraterno de benfeitores espirituais em todas as oportunidades e conjunturas renovadoras, a estudar conosco as possibilidades novas e as mudanças benéficas do porvir.

(De “Aceitação e vida”, de Francisco Cândido Xavier, pelo Espírito Margarida).

“Virgínia Rosa Canta Clara”

Virgínia Rosa

A cantora Virgínia Rosa apresenta o CD que homenageia a versatilidade de uma das maiores intérpretes da música brasileira. Composto por 14 faixas, “Virgínia Rosa Canta Clara” revela aspectos poucos evidentes do repertório de Clara Nunes, sempre muito identificada com o samba. Isto fica claro nos choros, valsas, boleros e até forrós que compõem o trabalho e que são interpretados com intensidade e de forma visceral.

Serviço: Sesc Consolação, R. Doutor Vila Nova, 245, Consolação, tel. 3234-3000. Sábado (09) às 21h. Ingresso: R$ 30.

Stand Up

Sergio Mallandro

Apelidado pelos colegas como o “Fenômeno do Stand Up Comedy”, Sergio Mallandro vem lotando teatros em todo o país e agora traz de volta a clássica Porta dos Desesperados, sucesso do seu programa nos anos 80 e 90 e um marco na infância de toda uma geração. Contando com a participação intensa da platéia, o humorista abre sua intimidade e não economiza na autocrítica.

Serviço: Teatro Renaissance, Al. Santos, 2233, Cerqueira César, tel. 3069-2286. Sábados às 23h59. Ingresso: R$ 100. Até 30/01.

Estreia

O Grupo XIX de Teatro estreia sua nova peça “Teorema XXI dia 22 de janeiro”. A peça conta que uma família retorna ao seu antigo lar. Ao buscar encontrar novas possibilidades de existência nesse ambiente antigo, recriam as suas relações e experimentam novas formas de contato. O núcleo familiar é constituído por um patriarca, a mãe, o filho e a filha. Vive na casa, ainda, a criada Emília. Tudo parece estável. Mais do que isso, estagnado. A chegada de um estrangeiro ameaça transformar a estrutura dessa família. Com Emilene Gutierrez, Janaina Leite, Juliana Sanches, Paulo Celestino, Rodolfo Amorim e Ronaldo Serruya.

Serviço: Vila Maria Zélia, R. Mário Costa 13, Belém, tel. 2081-4647. Sexta a domingos às 18h. Entrada franca. Até 05/03.


LANÇAMENTO

A cantora e compositora Claudia Romano possui uma voz personalíssima que mescla o grave melodioso e agressivo, com tons suaves. Essa sensibilidade musical pode ser apreciada durante a apresentação do espetáculo No Ato, novo trabalho da artista.

Serviço: Sesc Campo Limpo, R. Nossa Senhora do Bom Conselho, 120, Campo Limpo, tel. 5510-2700. Domingo (17) às 18h30. Entrada franca.

“Frida Y Diego”

Leona Cavalli e José Rubens Chachá.

A peça Frida Y Diego reestreia neste sábado (9) e fala do casamento e da relação entre os artistas mexicanos Frida Kahlo e Diego Rivera. Uma história de paixão e cumplicidade. Com todos os dramas, rupturas e reconciliações, era uma relação de liberdade e amor incondicional. O espetáculo se passa entre o período de 1929 a 1953, no México, França e Estados Unidos, onde viveram e trabalharam a conturbada relação do casal, as mútuas infidelidades, personalidades fortes e as suas convicções artísticas e políticas. Com Leona Cavalli e José Rubens Chachá.

Serviço: Teatro Raul Cortez (Fecomercio), R. Doutor Plínio Barreto, 285, Bela Vista, tel. 3254-1700. Sábados às 21h e domingos às 19h. Ingresso: R$ 80. Até 31/01.

Inédita

O artista espanhol David Dalmau tem 20 de suas obras expostas na mostra inédita “A Festa de Dalmau”, com curadoria da jornalista e fotógrafa Adriana Guidolin. Luz, cor e expressão são características de destaque em suas obras. A visitação é gratuita.

Hotel Blue Tree Premium Faria Lima, Av. Brigadeiro Faria Lima, 3.989, Itaim Bibi, tel. 3896-7544. De segunda a domingo das 9h às 18h. Entrada franca. Até 14/02.