123 views 2 mins

Alberto Vasconcellos da Costa e Silva, o maior africanólogo do Brasil

em Especial
sexta-feira, 12 de abril de 2024

Alberto Vasconcellos da Costa e Silva, nascido em São Paulo em 1931 foi um diplomata, poeta, ensaísta, memorialista e historiador, membro do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro e da Academia Brasileira de Letras, a qual presidiu no biênio 2002-2003.

Ueliton Messias (*)

Foi um dos mais importantes intelectuais brasileiros do século XX, tendo sua obra deixado marcas profundas na literatura, na diplomacia e na historiografia brasileira; é também considerado um dos maiores poetas brasileiros de todos os tempos.

Formado pelo Instituto Rio Branco em 1957, serviu como diplomata em Lisboa, Caracas, Washington, Madrid e Roma, tendo sido embaixador na Nigéria, Benim, Portugal, Colômbia e Paraguai.

Publicou mais de 30 livros, entre poesia, ensaios, memórias e obras históricas, tendo recebido diversos prêmios literários, incluindo o Prêmio Camões de 2014 – sua obra é caracterizada pela erudição, pelo rigor intelectual e pela sensibilidade poética.

É considerado o principal africanólogo brasileiro, tendo sobre essa temática produzido importantes obras, dentre as quais se destacam “A Enxada e a Lança: a África antes dos Portugueses”, “As Relações entre o Brasil e a África Negra, de 1822 à 1a Guerra Mundial” e “Um Rio Chamado Atlântico: a África no Brasil e o Brasil na África”.

Faleceu no Rio de Janeiro em 26 de novembro de 2023.

(*) Doutor em Fisiologia Vegetal pela UNICAMP, é pesquisador da Embrapa, membro do Rotary Club de Jundiaí e da Associação Brasileira de Pesquisadores Negros.