Portabilidade na telefonia foi feita por mais de 45 milhões de usuários em 10 anos

Desde que entrou em vigor, há 10 anos, a norma que possibilita aos usuários de serviços de telefonia fixa e móvel manter o mesmo número ao decidir trocar de plano e de operadora, a chamada portabilidade numérica, já foi aplicada em mais de 45,143 milhões casos.

Os dados são da ABR Telecom, que atua na administração da portabilidade numérica.
A norma, criada pela Anatel, começou a valer em 1° de setembro de 2008 e permite a clientes dos serviços de telefonia fixa e móvel manter o número do telefone a ele designado, independentemente da operadora de serviço a que esteja vinculado. Desde que começou a valer, a maioria das operações de portabilidade foi realizada na Região Sudeste, que registrou, até a data de ontem (3), 26.205.335 ações de portabilidade.
Em seguida, vem a Região Sul, com 9.106.693 portabilidades; depois a Nordeste, com 5.276.760 registros de portabilidade. O Centro-Oeste aparece em quarto, com 3.601.064 registros, e a Região Norte vem em seguida com 953.373 operações de portabilidade. Atualmente, os usuários fazem mais de 500 mil solicitações de portabilidade por mês, sendo 80% de celulares. Do total de operações realizadas até hoje, as operações de portabilidade envolvendo números fixos foi de 15.112.328. Já as operações envolvendo celulares somaram 30.030.897 registros
Para solicitar a portabilidade, basta o consumidor procurar a prestadora para a qual deseja migrar e informar os dados pessoais, telefone e prestadora atual. Confirmados os dados, a nova operadora agenda a habilitação do serviço e fornece o protocolo. A portabilidade deve ocorrer no prazo máximo de três dias úteis a partir da solicitação do consumidor (ABr).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap