Como não cair nas fraudes do sistema de transferências PIX

Eduardo Moisés

Lançado há menos de seis meses, o Pix representa, atualmente, 8 em cada 10 transferências de recursos no Brasil, superando os tradicionais DOCs e TEDs. O Pix pode ser utilizado por quem precisa transferir recursos, pagar contas ou efetuar compras presenciais e digitais, de forma instantânea, 24 horas por dia e a custo zero para os consumidores.

Tal sistema, assim como qualquer outro sistema bancário, deve ser utilizado com cautela ao passo que criminosos têm usado o Pix para aplicar golpes financeiros e realizar novos tipos de fraudes bancárias. Deve-se ter cuidado redobrado na hora de cadastrar as chaves ou de realizar transações.

Para realizar ou receber uma transferência, o cliente precisa fazer o cadastro de uma chave no sistema do banco em que tem conta. Existem quatro tipos de chaves:

– por CPF ou CNPJ,

– por número do celular,

– por e-mail e

– por chave aleatória.

Cuidado com links enviados por email, há criminosos enviando email falso em nome do banco para ter acesso às informações. 

Quando o Pix é usado para o pagamento de uma conta ou compra, é comum que ao invés da chave do recebedor, a transação seja feita por meio de um código numérico ou de um QR Code. Ao inserir esse código no aplicativo do banco ou ao ler o QR Code com o celular, é importante que o cliente observe com atenção os dados do destinatário do dinheiro, para saber se o recebedor é a pessoa certa. Esse golpe é bastante similar ao antigo golpe do boleto, em que bandidos “clonavam” um boleto verdadeiro e inseriam os dados de outra conta para o recebimento do dinheiro.

Por fim, caso você necessite receber dinheiro de um desconhecido pelo Pix, é importante ter cuidado com os comprovantes de transferências falsos. Criminosos forjam comprovantes de operações para simular o envio do dinheiro para a conta das vítimas. Esse golpe é bastante comum em vendas feitas pela internet, por exemplo. O criminoso finge que fez o pagamento e leva embora o produto comprado.

Vale lembrar que um dos aspectos mais importantes do Pix: as transações são instantâneas. Então, se você recebeu o comprovante, mas o dinheiro não caiu na conta, desconfie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap