250 views 3 mins

Inscrições para programa de aceleração para startups voltadas para o agro

em Agronegócio
sábado, 04 de novembro de 2023

Com o objetivo de colaborar para o desenvolvimento de startups de todo o Brasil voltadas ao agronegócio, a aceleradora Cyklo Agritech acaba de lançar o novo edital de seu programa de aceleração. A quinta edição da iniciativa traz a grande novidade de poder ser realizada de forma remota e visa selecionar até doze novos negócios do segmento. O investimento total é estimado em R$ 3 milhões em 2024, e as inscrições podem ser feitas até o dia 10 de dezembro no link (https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfj6hY73Fc4CScE20Wu5_jYn_LGB6dz1kGVoZtXNH t0vpruFA/viewform).

O programa possui nove meses de duração e, durante a seleção, as agritechs precisam apresentar um pitch consistente, mostrar a qualidade da equipe e responder a nove perguntas que investigam o propósito, visão de futuro e outros aspectos cruciais do modelo de negócios. Em média, a aceleradora recebe cinquenta inscrições por ano.

Ao todo, 28 negócios já foram impactados positivamente pela Cyklo Agritech. Agora, a aceleradora irá buscar startups em fase operacional e pré-operacional com soluções de inteligência artificial, IoT, biotecnologia, TI e conectividade do campo para sanar lacunas de produtividade, gestão, ESG, logística e crédito rural do setor.

“Nós queremos chegar até as boas agritechs, que podem estar espalhadas por todo o Brasil, então trouxemos essa oportunidade da aceleração ser no modelo remoto. As startups podem permanecer em seus locais de origem e contar com o time da Cyklo, que é composto por executivos de inovação, tecnologia, biotecnólogos, agrônomos e outros profissionais com experiência sólida, assim como acessar recursos de comercial, jurídico, financeiro, estrutura de marketing, networking e mais”, explica o fundador e CEO da Cyklo Agritech, Pompeo Scola.

A abertura do novo edital coincide com a comemoração de quatro anos da aceleradora. Fundada em 2019, no MATOPIBA – região composta pelos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia e reconhecida como uma das mais promissoras do agro brasileiro -, a Cyklo nasceu com a missão de identificar, acelerar e disponibilizar negócios de alto valor ao mercado.

A ideia de estabelecer uma aceleradora de agritechs no local surgiu quando o fundador e CEO Pompeo Scola, que há 40 anos atua como consultor de inovação em gigantes como a FMC, viu o potencial de aliar expertise e contatos na área para impulsionar a agroindústria nacional.