266 views 3 mins

Viagens corporativas voltam a crescer e apresentam um bom cenário para 2024

em Turismo
quarta-feira, 27 de dezembro de 2023

À medida que o cenário global se recupera dos desafios enfrentados nos últimos anos, as tendências de viagens corporativas no Brasil para 2024 revelam uma transformação significativa no modo como as organizações enxergam os deslocamentos de seus colaboradores.

A flexibilidade e a tecnologia emergem como protagonistas nesse novo capítulo das viagens a trabalho e isso fica claro com a última edição do Levantamento de Viagens Corporativas (LVC) que revela que as despesas estimadas pelas empresas com esse tipo de viagens em setembro marcaram uma alta de 3,3% na comparação anual, chegando a R$ 10,87 bilhões.
 
A intensa demanda do setor corporativo por eventos, feiras e encontros presenciais mantém uma relação direta com o desempenho econômico, refletido no faturamento do setor e no crescimento do PIB. Guilherme Chiara, diretor de Engenharia e Produtos na Portão 3, uma plataforma de gestão de despesas e viagens corporativas para empresas da América Latina, destaca que a personalização das experiências de viagem também é uma tendência crescente. “Empresas estão priorizando o bem-estar dos colaboradores, oferecendo opções de hospedagem que atendam a necessidades específicas e promovam ambientes propícios para o equilíbrio entre trabalho e vida pessoal”, diz.
 
Três tendências para 2024:

Integração de tecnologia para gestão de viagens: A adoção de tecnologias avançadas, como inteligência artificial e aprendizado de máquina, para otimizar a gestão de viagens corporativas. Isso inclui sistemas mais inteligentes de reservas, relatórios automatizados e assistentes virtuais para facilitar a experiência do viajante.

Sustentabilidade e consciência ambiental: Um aumento na conscientização e priorização da sustentabilidade nas viagens corporativas. Empresas buscarão opções de transporte e hospedagem mais sustentáveis, reduzindo a pegada de carbono associada às suas atividades de negócios.

Flexibilidade e modelos de trabalho híbrido: Com a evolução dos modelos de trabalho, as viagens corporativas se adaptarão para atender a uma força de trabalho mais flexível. Isso incluirá políticas de viagem mais flexíveis, opções de trabalho remoto durante as viagens e estratégias que permitam maior equilíbrio entre vida profissional e pessoal para os viajantes corporativos.
 
Essas tendências prometem moldar um novo cenário nas viagens corporativas brasileiras, refletindo a busca por eficiência, personalização e responsabilidade ambiental. À medida que as empresas se adaptam, antecipamos uma era de deslocamentos mais estratégicos e alinhados às necessidades emergentes do ambiente de trabalho moderno.