245 views 4 mins

Segurança é tema crítico e fator de sucesso para a transformação digital dos bancos

em Tecnologia
terça-feira, 19 de setembro de 2023

A transformação digital no setor bancário tem sido uma tendência crescente nos últimos anos. A adoção de tecnologias em nuvem é um fator fundamental para que isso aconteça. Porém, é importante destacar que a segurança e privacidade dos dados são questões críticas para o sucesso dessa transformação. As empresas do setor bancário possuem uma grande quantidade de dados sensíveis de seus clientes, como informações financeiras, pessoais e empresariais. Esses dados são valiosos para os hackers e criminosos cibernéticos, e a falta de segurança pode causar grandes prejuízos para as empresas e seus clientes. 

As organizações estão cada vez mais preocupadas com a proteção e privacidade dos dados de seus clientes e funcionários. Segundo o Gartner, a previsão é que, até 2025, 60% das grandes empresas usarão pelo menos uma técnica PEC (Privacy-Enhancing Computation, em português, Computação de Aprimoramento de Privacidade) em análise, inteligência de negócios e/ou computação em Nuvem, garantindo assim a segurança das informações de negócios e dos clientes bancários.

A seguir, destaco alguns pontos importantes para que a segurança e privacidade dos dados sejam garantidos na nuvem: 

Escolha de um provedor de nuvem confiável: É importante escolher um provedor de nuvem que seja confiável e que possua um histórico de segurança sólido. É importante avaliar o nível de segurança oferecido pelo provedor e se ele possui as certificações e conformidades necessárias 

Proteção dos dados: As empresas devem garantir que seus dados sejam protegidos por meio de criptografia e autenticação. É importante que os dados estejam protegidos não só durante a transmissão, mas também em repouso. 

Controle de acesso: O controle de acesso é fundamental para garantir que apenas as pessoas autorizadas possam acessar os dados. As empresas devem implementar políticas de controle de acesso e monitorar o acesso aos dados. 

Gestão de riscos: As empresas devem ter uma estratégia de gestão de riscos clara e bem definida. Isso inclui a identificação de possíveis ameaças, avaliação de riscos e implementação de medidas preventivas e corretivas. 

É importante ressaltar que a segurança e privacidade dos dados devem ser uma preocupação constante das empresas do setor bancário. Além disso, a colaboração entre as áreas de tecnologia, segurança da informação e compliance é essencial para garantir a eficácia das medidas de segurança. Em conclusão, a adoção de tecnologias em nuvem é um fator crítico para a transformação digital do setor bancário.

No entanto, é necessário garantir que a segurança e privacidade dos dados sejam garantidas para que essa transformação seja bem-sucedida. As empresas devem adotar medidas de segurança robustas para proteger seus dados e colaborar de forma integrada para garantir a segurança das informações. 

(Fonte: Wagner Jesus, Country Head Wipro Brasil).