81 views 5 mins

Desafios para garantir a qualidade da água na indústria farmacêutica

em Opinião
terça-feira, 19 de março de 2024

Rafael Siqueira (*)

A água, componente vital nos processos de fabricação e formulação de medicamentos na indústria farmacêutica, é submetida a padrões rigorosos de regulamentação e normatização para garantir sua qualidade. A Farmacopeia Brasileira, em consonância com as diretrizes do Ministério da Saúde e da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), estabelece níveis muito específicos para garantir a pureza da água utilizada em processos farmacêuticos. Essas normas servem como referência para as empresas, assegurando que os padrões de qualidade sejam atendidos e mantidos. As categorias de água potável, água purificada e água para injetáveis são definidas com precisão, visando atender aos requisitos específicos dos processos farmacêuticos. Essas normas são fundamentais para a segurança e eficácia dos medicamentos produzidos.

Apesar dos avanços tecnológicos e regulamentações estritas, ainda existem desafios significativos relacionados à contaminação em sistemas de água para uso farmacêutico. Diversas fontes, desde a captação até os processos de purificação, podem introduzir impurezas prejudiciais, demandando constantes esforços de controle e monitoramento. A contaminação em sistemas de água farmacêutica não apenas afeta a qualidade do produto final, mas também tem implicações sérias para o meio ambiente. O descarte inadequado de água contaminada pode introduzir substâncias químicas prejudiciais nos ecossistemas, comprometendo a saúde dos corpos d’água e a biodiversidade. O cumprimento rigoroso das normas de descarte é essencial para minimizar esses impactos.

É observado um movimento notável de outros setores industriais em direção ao controle de qualidade da água no padrão farmacêutico. Indústrias de higiene, cosméticos e perfumaria estão reconhecendo os benefícios associados à adoção desses padrões, como a garantia de pureza e a minimização de riscos à saúde. A busca pela excelência na qualidade da água reflete a crescente consciência da importância desse recurso em diversas áreas industriais. E sabe-se que para chegar ao ponto mais alto da qualidade, é necessário investimento – neste caso, em equipamentos industriais de alta tecnologia, capazes de garantir a purificação necessária para a produção da indústria farmacêutica. 

A qualidade da água na indústria farmacêutica não é apenas uma necessidade regulatória, mas um compromisso com a saúde pública, a sustentabilidade e a integridade dos processos produtivos. Diante dos desafios, é essencial que as empresas do setor continuem investindo em tecnologias avançadas, monitoramento contínuo e aprimoramento de práticas de gestão.

Avanços tecnológicos, como sistemas de monitoramento online, sensores avançados e automação têm revolucionado os processos de purificação e controle de qualidade da água. Essas inovações permitem uma vigilância em tempo real dos parâmetros essenciais, proporcionando uma resposta imediata a qualquer desvio das especificações. Além disso, a integração de sistemas de filtração de última geração e métodos de purificação avançados contribui para a eliminação eficaz de impurezas. A tecnologia não apenas aumenta a eficiência dos processos, mas também fortalece a conformidade com as regulamentações, assegurando a produção de medicamentos seguros e de alta qualidade. A incorporação contínua de tecnologia na indústria farmacêutica representa um investimento estratégico para enfrentar desafios, melhorar a eficácia operacional e garantir a confiabilidade dos produtos farmacêuticos.

A colaboração entre os setores industriais e o constante aprimoramento das normas regulatórias são passos fundamentais para garantir a qualidade da água em todos os processos industriais. Ao superar os desafios, avançamos na construção de uma indústria mais resiliente, eficiente e comprometida com a excelência na produção de medicamentos e produtos relacionados.
 
(*) Engenheiro e Gerente de Negócios do Segmento Farmacêutico da Bermo Válvulas e Equipamentos Industriais Ltda.