81 views 30 secs

Abertura da Copa América terá muita tecnologia

em Manchete
quarta-feira, 12 de junho de 2019
Abertura temproario

Abertura temproario

Foto: Rovena Rosa/ABr

A mascote da competição, a capivara Zizito, e o ex-lateral da Seleção Brasileira, Cafu, no gramado do Morumbi.

Com 400 pessoas em cena, 100 músicos e muita tecnologia, a cerimônia de abertura da Copa América vai mostrar o sonho de 12 crianças, cada uma representando um dos países que participarão da competição. A história das crianças será contada em duas partes: a primeira, no início, e a segunda, no encerramento da cerimônia, que terá início as 21h10 de amanhã (14), no estádio do Morumbi.
“É a primeira vez, em grandes eventos, que a gente conta [uma história] neste formato [dividida em duas partes]. Desta vez, o Brasil, como anfitrião, convida toda a América do Sul para contar uma história juntos. Os protagonistas serão os 12 países juntos, com os dois convidados [Japão e Catar]”, disse o diretor artístico da cerimônia, Edson Erdmann. “A plateia do estádio vai participar e vai contar a história junto”, ressaltou (ABr).