Geral 19/07/2016

Pesquisa diz que três em cada dez brasileiros são consumidores conscientes

Percentual de consumidores conscientes passou de 21,8% em 2015 para 32% em 2016.
  • Save

Apenas três em cada dez brasileiros são consumidores conscientes, anunciaram o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) com base em pesquisa

Em uma escala de 1 a 10, consumidores entrevistados dão nota média de 8,9 para a importância do tema consumo consciente, mas apenas três em cada dez consultados (32%) podem ser considerados, de fato, conscientes – um aumento de 10,2 pontos percentuais em relação a 2015, quando esse percentual era de 21,8%.
Apesar de ter apresentado melhora, o aumento do indicador foi discreto em relação a 2015, avaliam o SPC Brasil e a CNDL. “Assim como em 2015, os entrevistados associam mais frequentemente o consumo consciente com atitudes relacionadas apenas a aspectos financeiros, ficando em um segundo plano as esferas ambientais e sociais”, disse a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, em nota. O Indicador de Consumo Consciente (ICC), calculado pelo segundo ano seguido, atingiu 72,7%, permanecendo praticamente estável em relação a 2015, quando estava em 69,3%.
O ICC pode variar de 0% a 100%: quanto maior o índice, maior é o nível de consumo consciente. O estudo segmentou consumidores em três categorias, de acordo com a intensidade da prática dos comportamentos considerados adequados: consumidores conscientes – que apresentam frequência de atitudes corretas acima de 80% – consumidores em transição, cuja frequência varia entre 60% e 80% de atitudes adequadas e consumidores nada ou pouco conscientes, quando a incidência de comportamentos apropriados não atinge 60%.
Para elaborar o indicador, foi realizada uma pesquisa com perguntas para investigar os hábitos, atitudes e comportamentos que fazem parte da rotina de 600 consumidores nas 26 capitais mais o Distrito Federal, com idade a partir de 18 anos. Essas questões permearam as três dimensões que compõem o conceito de consumo consciente, e todas elas obtiveram resultados abaixo do desempenho ideal de 80%: práticas ambientais (72,5%), práticas financeiras (73,8%) e práticas sociais (70,6%) (ABr).

Normas de segurança estão mais rigorosas nos aeroportos do país

Passageiros enfrentam filas para a inspeção de bagagens. Começam a valer as novas determinações para garantir maior segurança nos voos.
  • Save

Desde ontem (18), a inspeção de bagagens e revista de passageiros nos aeroportos do país estão mais rigorosas. É que começam a valer as novas determinações da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para garantir maior segurança dos passageiros. No Brasil, elas são normatizadas, segundo a Anac, pelo Regulamento Brasileiro da Aviação Civil número 107, regra que dispõe sobre a segurança da aviação civil.
Entre as medidas, está a que prevê que todos os passageiros estarão sujeitos à revista física feita por agente do mesmo sexo. A revista poderá ocorrer de forma aleatória, mesmo sem o disparo do detector de metais. Ela tem que ser realizada em local público ou privado, a critério do revistado e do agente, e sempre na presença de uma testemunha.
A norma diz ainda que o passageiro terá também que tirar computadores portáteis e outros dispositivos eletrônicos de dentro das malas e mochilas, como já vinha sendo cumprida em voos internacionais. Os passageiros também podem ter de abrir as bagagens de mão para que os agentes façam a inspeção dos objetos.
A Anac orienta os passageiros de voos domésticos que cheguem ao aeroporto mais cedo, com pelo menos uma hora e meia ou duas horas de antecedência e, no caso de voos internacionais, com três horas de antecedência (ABr).

Suíça cria menor seringa do mundo

Pesquisadores do Instituto Federal de Tecnologia de Zurique (ETH), na Suíça, criaram a menor seringa do mundo, o único instrumento que permite extrair o conteúdo de uma célula sem danificá-la. De acordo com a publicação científica “Cell”, graças à nanoseringa será possível estudar as diferenças individuais das células, identificando o seu perfil molecular.
“Nosso método abre novas fronteiras para a biologia”, afirmou Julia Vorholt, responsável pela coordenação do grupo de pesquisa junto ao italiano Tomaso Zambelli. O instrumento permite extrair material de células cultivadas em tubo de ensaio e “isso significa que podemos estudar também como uma célula interage com outras vizinhas”, explicou Orane Guillaume-Gentil, que colaborou com o projeto.
Para este tipo de pesquisa não é possível usar o método tradicional, como as análises moleculares que exigem a separação das células e sua destruição. As células que são extraídas das moléculas com o novo instrumento seguem vivas, de modo que é possível estudar a mesma célula várias vezes. “A gente se surpreendeu ao ver que as células haviam sobrevivido depois de extraímos a maior parte do citoplasma”, informou Vorholt (ANSA).

Forças Armadas farão a segurança do Enem

As Forças Armadas vão prestar novamente apoio logístico para a realização das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O apoio para a Operação Enem 2016 foi solicitado pelo Ministério da Educação visando a garantir a segurança no armazenamento das provas. A participação das Forças Armadas foi oficializada com a publicação de portaria na edição de ontem (18) do Diário Oficial da União.
Desde 2009, os ministérios da Educação e da Defesa trabalham em parceria para assegurar que os exames não cheguem a mãos indevidas ou sejam utilizados de forma criminosa. As provas do Enem de 2016 serão aplicadas nos dias 5 e 6 de novembro. A nota é usada na seleção para vagas em instituições públicas, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e bolsas na educação superior privada, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni).
O resultado do exame também é requisito para receber o benefício do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e participar do Programa Ciência sem Fronteiras. Para pessoas maiores de 18 anos, o Enem pode ser usado como certificação do ensino médio. A plataforma Hora do Enem disponibiliza gratuitamente um plano de estudos individual para quem quer se preparar para o exame. O site também permite ao candidato participar de simulados nacionais, além de ter acesso ao Mecflix, portal com mais de 1,2 mil videoaulas (ABr).

PF investiga fraudes na compra de equipamentos médicos

Agente da PF faz buscas durante Operação Dopamina.
  • Save

A Polícia Federal deflagrou ontem (18) a Operação Dopamina para investigar desvio de recursos públicos na compra de equipamentos médicos para pacientes que sofrem de doença de Parkinson. Foram cumpridos 11 mandados de busca e apreensão e quatro de condução coercitiva nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro.
No esquema, pacientes atendidos pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP eram induzidos a fazer cirurgias de implantes de equipamentos para estímulos do cérebro, mesmo sem necessidade. Esses pacientes eram levados a entrar com ações judiciais para a compra desses equipamentos, com pedido de urgência.
Assim, uma única empresa fornecedora lucrava com valores superfaturados. Os equipamentos avaliados em R$ 24 mil chegavam a ser vendidos por R$ 115 mil. Segundo a investigação, as fraudes ocorreram em 200 cirurgias no período de 2009 a 2014, gerando prejuízo aos cofres públicos da ordem de R$ 18 milhões.
O nome da operação refere-se ao neurotransmissor dopamina, cuja deficiência está relacionada à doença de Parkinson. Os suspeitos podem ser responsabilizados pelos crimes de associação criminosa, peculato, corrupção e estelionato contra União, cujas penas podem chegar a até doze anos de prisão (ABr).

Turquia: 30 governadores e 7.899 policiais foram detidos

Trinta governadores e 7.899 policiais foram detidos depois da tentativa de golpe na Turquia, informou o Ministério do Interior do país. Pelo menos 50 funcionários de alto escalão também foram afastados de seus cargos. Anteriormente, a mídia turca anunciou que a corte nacional decidiu prender 41 dos 103 generais e almirantes detidos por tentativa de golpe.
Ontem (18), um homem não identificado abriu fogo perto do Palácio da Justiça em Ancara. A mídia relata que não há vítimas e que o homem foi eliminado. Na noite da última sexta-feira (15), durante uma tentativa de golpe militar na Turquia mais de 290 pessoas morreram e 1,44 mil ficaram feridas. De acordo com o ministro da Justiça turco, Bekir Bozdag, após o fracasso do golpe, cerca de 6 mil pessoas foram presas.
Durante a noite, os envolvidos no golpe atacaram uma série de instalações em Ancara, inclusive o prédio do Estado-Maior, as sedes da polícia, do Ministério do Interior e o Parlamento. Depois do apelo do presidente do país, Recep Tayyip Erdogan, as ruas das principais cidades da Turquia foram tomadas por milhares de pessoas contrárias ao golpe militar.
A maior parte dos muçulmanos da Turquia são sunitas e professam a religião dentro de padrões moderados, ao contrário de outras nações muçulmanas, que seguem uma orientação fundamentalista. O presidente Erdogan, que também é muçulmano, tem dominado a cena política turca por mais de uma década (ABr).

 
 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap