PF vai investigar FHC se houver indício de delito

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, não descarta a investigação, pela Policia Federal, do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (FHC).

O sociólogo é suspeito de usar ilegalmente uma empresa no exterior para pagar pensão a uma jornalista, com quem teve um relacionamento extra-conjungal duradouro. Ela vivia fora do país. O ministro disse que, antes de decidir abrir ou não um inquérito, os orgãos do governo vão analisar se há indício de delito contra FHC.
Ele explicou que o procedimento é padrão e antecede qualquer investigação da PF. “Isso passará por um estudo técnico e jurídico, todos aspectos que envolvem uma situação de ocorrerem eventuais delitos. Obviamente, havendo indícios de delitos puníveis, de competência federal, seguramente a Polícia Federal fará investigação por meio de inquérito policial”, disse. “Isso não vale apenas para FHC, mas vale para todos brasileiros. Se houver indício de prática criminosa, dentro de situações que são eventualmente puníveis, tudo será absolutamente investigado” completou o ministro da Justiça.
O ministro aproveitou para rebater acusações de intervenção na instituição. “Volta e meia sou acusado pelos adversários de não controlar a PF ou de instrumentalizá-la. Então, seguramente, quero dizer a vocês, pouco importa para mim se pessoas vinculadas à base governista, aos partidos que mantêm boa relação com o governo ou oposicionistas, é o mesmo procedimento. Sem a busca de factóides, sem a busca de exposição da imagem”, acrescentou (ABr).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap