64 views 53 secs

Moro torna Lula réu em caso de sítio em Atibaia

em Destaques
terça-feira, 01 de agosto de 2017

O juiz federal Sérgio Moro aceitou ontem (1º) uma denúncia contra o ex-presidente Lula no caso referente a um sítio em Atibaia e o tornou réu na Justiça pela sexta vez.

O líder petista havia sido denunciado pelo MPF em 22 de maio de 2017, e os procuradores da força-tarefa da Operação Lava Jato o acusam de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.
Segundo o MPF, Lula teria “estruturado” o esquema de desvios na Petrobras e recebido propina na forma de obras em seu benefício em um sitio em Atibaia. Outras 12 pessoas foram denunciadas, incluindo Marcelo Odebrecht; seu pai, Emílio Odebrecht; o ex-mandatário da OAS Léo Pinheiro; e o proprietário do imóvel que é citado na ação, Fernando Bittar.
Boa parte dessas quantias teria sido repassada a partidos que faziam parte do governo Lula, principalmente PT, PP e PMDB. Além disso, R$ 870 mil teriam sido usados para reformar o sítio em Atibaia e adequá-lo às necessidades do ex-presidente. As melhorias teriam sido bancadas pelas empresas Odebrecht, OAS e Schahin.
“Os elementos probatórios juntados pelo MPF e também colacionados pela Polícia Federal permitem, em cognição sumária, conclusão de que o ex-presidente Lula comportava-se como proprietário do sítio de Atibaia”, diz o despacho de Moro (ANSA).